EntreContos

Literatura que desafia.

Cruz de Ferro (Gustavo Araujo)

Certo dia, percebeu que era seguido por um animal. Os rastros eram evidentes. Não se tratava de um cão, naturalmente. Mas era um animal grande, por certo. Talvez fosse outro … Continuar lendo

20 de maio de 2017 · 51 Comentários

Promessa de Liberdade – Evelyn Postali – Resenha (Gustavo Araujo)

Imagine um Brasil alternativo em que a escravidão jamais tivesse sido abolida. Essa é a realidade que Evelyn Postali explora para falar de intolerância, escolhas e, no fundo, para tratar … Continuar lendo

3 de maio de 2017 · 2 Comentários

Anelisa sangrava Flores – Anderson Henrique – Resenha (Gustavo Araujo)

Anderson Henrique faz uma aposta ousada em “Anelisa sangrava flores”. Num mercado literário dominado por narrativas fantasiosas que replicam os best-sellers americanos, com seus aliens, duendes, games e mundo paralelos, … Continuar lendo

9 de abril de 2017 · 2 Comentários

Formigas (Gustavo Araujo)

Ao entrar no galpão segurava uma trouxa com milho e batatas. Por sorte, conseguira surrupiar alguns pedaços de carne de porco também, enquanto as cozinheiras conversavam sobre a seca assolava … Continuar lendo

8 de março de 2017 · 42 Comentários

A Morte de Ivan Ilitch – Leon Tolstoi – Resenha (Gustavo Araujo)

O russo Leon Tolstói é conhecido por ter escrito um dos épicos mais famosos da história da literatura, Guerra e Paz, sobre a campanha de Napoleão na Rússia. Também escreveu … Continuar lendo

10 de fevereiro de 2017 · 2 Comentários

“Max Perkins, um editor de gênios” – A. Scott Berg – Resenha (Gustavo Araujo)

Há alguns meses, um amigo sugeriu que eu dedicasse um par de horas da minha existência ao filme Max Perkins, o mestre dos gênios, dirigido por Michael Grandage e estrelado por … Continuar lendo

3 de fevereiro de 2017 · 17 Comentários

Como Proust pode mudar sua vida – Alain de Botton – Resenha (Gustavo Araujo)

“Ao lermos a nova obra-prima de um homem brilhante, ficamos felizes em descobrir reflexões nossas que havíamos menosprezado, alegrias e tristezas que havíamos reprimido, todo um mundo de sentimentos que … Continuar lendo

6 de janeiro de 2017 · 4 Comentários

Ilusões Irresistíveis: o fabuloso mundo dos concursos literários – Artigo (Gustavo Araujo)

O caminho é conhecido: ao se deparar com a triste realidade do mercado de livros no Brasil, o autor desconhecido ou independente enxerga nos concursos literários sua tábua de salvação. … Continuar lendo

28 de dezembro de 2016 · 21 Comentários

A Redenção do Anjo Caído – Fabio Baptista – Resenha (Gustavo Araujo)

“A dádiva da mente brilhante sempre vem acompanhada pela maldição do rápido enfastiamento com tudo e com todos.” Lúcifer, derrotado no início dos Tempos, enfim percebe a onisciência de Deus … Continuar lendo

4 de novembro de 2016 · 5 Comentários

Perigo nas Linhas de Código – Resenha (Gustavo Araujo)

O universo literário policial tem sido dominado por homens há muito tempo. Por isso, é quase redentor perceber que mulheres estão se dedicando a essa vertente, como é o caso … Continuar lendo

29 de outubro de 2016 · 1 comentário

Achados e Perdidos – Oliver Jeffers – Resenha (Gustavo Araujo)

Preciso confessar: sou um sujeito apegado a tradições. Quando se trata de filhos e literatura, isso se traduz no hábito de ler para as meninas ao colocá-las para dormir. Normalmente, … Continuar lendo

3 de setembro de 2016 · 3 Comentários

O sol é para todos – Harper Lee – Resenha (Gustavo Araujo)

Difícil dizer algo de novo sobre um dos clássicos da literatura contemporânea. “O Sol é para Todos” foi escrito em 1960 e rendeu à autora Harper Lee o prêmio Pulitzer, … Continuar lendo

26 de agosto de 2016 · 2 Comentários

A Galinha Degolada II (Wilson Barros Júnior e Gustavo Araujo)

Por muito tempo eu vivera na paz que todo ser humano almeja. Os direitos autorais do meu livro “Estupradas ao Anoitecer” eram suficientes para uma vida confortável, e eu ainda … Continuar lendo

13 de julho de 2016 · 39 Comentários

Travessia (Gustavo Araujo)

Em meio aos gritos, José Vaz segurou com força o braço do filho, Miguel. Não conseguia vê-lo, mas por nada neste mundo soltaria o braço do menino. Sob a noite … Continuar lendo

14 de maio de 2016 · 38 Comentários

Parasitas – Artigo (Gustavo Araujo)

Têm-se disseminado nas redes sociais as chamadas para antologias com temas diversos. Em posts simpáticos, replicados em inúmeros grupos e páginas, autores de todos os níveis são convidados a integrar … Continuar lendo

12 de fevereiro de 2016 · 11 Comentários

Apenas mais um dia (Gustavo Araujo)

Dražen viu quando os veículos começaram a chegar à fazenda. Dezenas deles. Antigos ônibus escolares, repletos de prisioneiros. Homens, velhos e crianças. Todos Muçulmanos. Seriam mortos. Uma bala na testa. … Continuar lendo

14 de janeiro de 2016 · 63 Comentários

Ainda sobre o racismo – Artigo (Gustavo Araujo)

Como tantas famílias com filhos pequenos nós também temos o hábito de ler para as meninas ao colocá-las para dormir. Normalmente são histórias curtas, bem ilustradas, o que basta para … Continuar lendo

30 de novembro de 2015 · 9 Comentários

Mortais – Resenha (Gustavo Araujo)

Existem certos assuntos para os quais jamais estaremos prontos. Sim, a frase beira o clichê, daqueles mais surrados, mas é que também reflete uma constatação difícil de negar, especialmente quando … Continuar lendo

15 de novembro de 2015 · 4 Comentários

O menino que queria laçar a lua – Resenha de “Pretérito Imperfeito” (Eduardo Selga)

* Contém spoilers. Pretérito imperfeito, romance de Gustavo Araújo publicado em 2015 pela Caligo Editora, trata, aparentemente, da idílica descoberta do amor entre dois adolescentes numa cidadezinha do Paraná, tendo … Continuar lendo

2 de outubro de 2015 · 2 Comentários

Treze anos (Gustavo Araujo)

O homem vestia uma camiseta branca, com o escudo do Ferroviário Esporte Clube já desbotado no lado esquerdo. Embaixo, lia-se seu nome: “Professor Pernambuco”. Era um sujeito calvo, de uns … Continuar lendo

12 de setembro de 2015 · 38 Comentários

Prostituição – Artigo (Gustavo Araujo)

Não trago boas notícias. Pelo menos não assim, à primeira vista. Refiro-me a você, que escreveu um livro recentemente, mas que não possui amigos influentes ou uma boa soma em … Continuar lendo

4 de setembro de 2015 · 42 Comentários

O Inferno de Treblinka – Resenha (Gustavo Araujo)

“É extremamente doloroso ler isto. O leitor deve acreditar em mim quando digo que é igualmente difícil escrever isto. ‘Por que escrever, então?’, alguém pode perguntar. ‘Por que recordar coisas … Continuar lendo

29 de agosto de 2015 · 2 Comentários

Solaris – Resenha (Gustavo Araujo)

Um dos fatores que mais me motivam a participar dos desafios do Entre Contos é escrever sobre ramos da literatura que normalmente não me atrairiam como autor. Assuntos novos, áridos, … Continuar lendo

18 de agosto de 2015 · 24 Comentários

Poison Heart – Resenha (Gustavo Araujo)

A paulista Susana Lima, mais conhecida como Susy Ramone, é dona de uma prosa fluida, certeira e que convida à leitura. Quando apanhei “Poison Heart”, romance de sua autoria, pude … Continuar lendo

22 de junho de 2015 · 2 Comentários

Vidas Sem Rumo – Resenha (Gustavo Araujo)

Esqueça John Green, Stephanie Meyer e clones afins. O livro que todo jovem deveria ler é de uma autora chamada Susan E. Hinton. Foi escrito em 1967 e se chama … Continuar lendo

12 de maio de 2015 · 5 Comentários

Capitães da Areia – Jorge Amado – Resenha (Gustavo Araujo)

Em 1937 o Brasil estava às portas do Estado-Novo. Vivia-se no mundo à época uma divisão ideológica profunda e mesmo em terras tupiniquins as diferenças de parte a parte se … Continuar lendo

10 de maio de 2015 · 4 Comentários

B. – Resenha (Gustavo Araujo)

Não é desconhecido o fato de que ao término da 2ª Guerra Mundial, diversos nazistas se refugiaram na América do Sul, sobretudo na Argentina e no Brasil. Joseph Mengele e … Continuar lendo

27 de fevereiro de 2015 · 1 comentário

À Sombra de um sicômoro (Gustavo Araujo)

Chamava-se Miguel, ou José. Não importava. Há tempos essa recordação inútil se desvanecera. Tampouco se lembrava da própria idade, embora evidentemente não fosse jovem: a pele curtida era marcada por … Continuar lendo

8 de fevereiro de 2015 · 58 Comentários

Olhai os Lírios do Campo – Resenha (Gustavo Araujo)

  Resenhar um clássico não é tarefa fácil. Corre-se sempre o risco de cair na mesmice ou de cometer uma heresia, deixando de se apontar o que é consenso. Tratando-se … Continuar lendo

20 de janeiro de 2015 · 12 Comentários

Belleville – Resenha (Gustavo Araujo)

Lucius e Anabelle são dois jovens que vivem em Campos do Jordão, na mesma casa, todavia separados por exatos cinquenta anos no tempo. Apaixonam-se depois de uma improvável troca de … Continuar lendo

13 de janeiro de 2015 · 5 Comentários

Sem Lugar para se esconder – Resenha (Gustavo Araujo)

Pouca gente ficou alheia à divulgação recente de que os Estados Unidos têm espionado sistematicamente empresas e governos do mundo todo, bisbilhotando desde ligações telefônicas até o tráfego na internet, … Continuar lendo

20 de novembro de 2014 · 3 Comentários

Ora, os clássicos… (Gustavo Araujo)

É comum a ideia de que todo escritor deve, antes de tudo, ser um insaciável leitor. Este é o estágio necessário, imprescindível, para que se atinja um mínimo de maturidade … Continuar lendo

12 de novembro de 2014 · 7 Comentários

Liberdade Condicional (Gustavo Araujo)

A mesa parece firme. De mogno, dá para ver pela cor escura. As beiradas gastas segredam sua antiguidade, construída em um tempo em que as coisas eram feitas para durar. … Continuar lendo

4 de novembro de 2014 · 29 Comentários

Confidências (Gustavo Araujo)

Rafaela tinha seis anos quando nos conhecemos. Como todo início de amizade, ainda mais numa idade tão tenra, nosso primeiro contato foi de uma distância respeitosa. Apesar disso, conversamos, tentando … Continuar lendo

20 de setembro de 2014 · 46 Comentários

Plágio e Inspiração, a tênue fronteira (Gustavo Araujo)

Em 2008, durante uma viagem de férias, encontrei uma edição maltratada de “Não Tenho Medo”, do italiano Niccolò Ammaniti, colocada a esmo na estante ensebada de um albergue da juventude. … Continuar lendo

18 de agosto de 2014 · 3 Comentários

Por um instante (Gustavo Araujo)

Naquela manhã, como de costume, Bernardo despertou sozinho. Porém, deitado sob uma grossa camada de cobertores, manteve os olhos fechados, enganando a si mesmo com um breve momento de normalidade. … Continuar lendo

30 de julho de 2014 · 31 Comentários

A Razão Sobre a Capa (Gustavo Araujo)

O clichê é mais surrado do que Judas em véspera de Páscoa: não se julga (ou não se compra) um livro pela capa. Sim, lindo. Um daqueles ensinamentos que todo … Continuar lendo

24 de julho de 2014 · 1 comentário

Novembro de 63 – Resenha (Gustavo Araujo)

O tema “viagem no tempo” é tão batido quanto fascinante. Muito já se escreveu e ainda se escreverá sobre isso e é claro que nem mesmos os grandes nomes da … Continuar lendo

17 de julho de 2014 · 1 comentário

A Noite do Oscar (Gustavo Araujo)

Tempos atrás finalizei meu primeiro livro. Contente, resolvi submetê-lo à análise de algumas das grandes editoras. Claro, para ser solenemente ignorado por todas elas. Não, minto. Uma me respondeu, usando … Continuar lendo

11 de junho de 2014 · 1 comentário

E o Título? (Gustavo Araujo)

Tão difícil quanto elaborar um final de história é pensar num título para ela. Não importa se é um romance ou conto. Comédia, drama ou um conto sobre amor. A … Continuar lendo

18 de maio de 2014 · 1 comentário

Afinal, o Final (Gustavo Araujo)

Então você teve uma ideia fantástica para uma história. Conto, novela ou romance, você consegue visualizar perfeitamente os personagens, a trama principal, as reviravoltas, o clímax e… Simplesmente se vê … Continuar lendo

20 de abril de 2014 · 2 Comentários

Gustavo Araujo

Gustavo Castro Araujo nasceu em Curitiba, PR, em 1973. Influenciado por Niccolò Ammaniti e John Boyne, escreveu seu primeiro romance, “O Artilheiro”, finalista no Concurso Nacional do SESC em 2009. Dois … Continuar lendo

7 de abril de 2014

A Crítica e a Rachadura (Gustavo Araujo)

Um dos maiores prazeres para qualquer escritor é ver o reflexo de suas ideias, a impressão que sua escrita causa em outras pessoas. Esse retorno é essencial para que possamos … Continuar lendo

19 de março de 2014 · 3 Comentários

Rebuilding Sarah Parker (Gustavo Araujo)

Of course, Tony was intrigued. Even in the packed tube, he saw the girl come in. A plaid scarf was wrapped around her neck, edges falling in parallel lines over … Continuar lendo

10 de março de 2014 · 5 Comentários

“À Deriva: 76 dias perdido no mar” – Resenha (Gustavo Araujo)

Em fins de 1981, quando o navegador Amyr Klink começava a tirar do papel as ideias de navegação solo, intercontinental, muita gente já fazia isso. Talvez uma das figuras em … Continuar lendo

5 de março de 2014 · 4 Comentários

Tábula Rasa (Gustavo Araujo)

A notícia interrompeu a novela como as trombetas do apocalipse, certamente causando taquicardia nas donas de casa que assistiam ao folhetim. De maneira improvisada, um repórter desconhecido surgiu na tela … Continuar lendo

15 de fevereiro de 2014 · 23 Comentários

! – Antologia de Contos Fantásticos – Resenha por Marcia H. Saito

Vários autores Editora Caligo 415 pags. O tema relacionado ao fantástico dão margem a muitas enveredagens criativas, onde o impossível se mescla a uma realidade plausível ao que entendemos e … Continuar lendo

14 de fevereiro de 2014 · 3 Comentários

Machado de Assis e a Saga Crepúsculo (Gustavo Araujo)

Tenho visto em alguns fóruns discussões bastante interessantes sobre os rumos literários preferidos pelos jovens autores (alguns não tão jovens). Dia desses debatia-se acerca do excesso de estrangeirismos em obras … Continuar lendo

4 de fevereiro de 2014 · 2 Comentários

“A Festa do Século” – Resenha (Gustavo Araujo)

O autor italiano Niccolò Ammaniti é considerado por muitos como o maior expoente literário de sua geração. Suas obras são permeadas por sentidos diversos que se desenrolam paralelamente, como cenários … Continuar lendo

29 de janeiro de 2014 · 7 Comentários

Uma História da FEB – Conto (Gustavo Araujo)

Collecchio, Itália, 2 de junho de 1945. Prezada Senhora, Peço-lhe desculpas, primeiramente, por atravessar-me deste modo, uma vez que não nos conhecemos. Com o devido respeito, permita-me apresentar: sou o … Continuar lendo

21 de janeiro de 2014 · 9 Comentários

“Norte Verdadeiro” – Resenha (Gustavo Araujo)

A exploração polar é um dos nichos mais interessantes na literatura de aventura. Mesmo aqui no Brasil são diversos os livros que tratam desse tema, tão fascinante

3 de janeiro de 2014 · 3 Comentários

Clair de Lune (Gustavo Araujo)

Para completa imersão, acione “play” antes do início da leitura *** Olho para a porta à minha frente. Como de costume, tenho medo de abri-la. Não por desconhecer o que … Continuar lendo

28 de dezembro de 2013 · 40 Comentários

Antologia “!” – Coletânea de Contos Fantásticos (Diversos Autores)

Trinta e quatro contos com elementos clássicos do gênero fantástico e que também ousam na busca por novas possibilidades. Das páginas da Antologia “!”  brota a essência que faz do gênero fantástico … Continuar lendo

25 de novembro de 2013 · 4 Comentários

Coração Negro (Gustavo Araujo)

Você pode me chamar de Fortuce. Não espero que goste. Honestamente, não dou a mínima. Nunca fui alguém de trato fácil, mas, por precaução, peço que não se afeiçoe a … Continuar lendo

20 de novembro de 2013 · 22 Comentários

Reconstruindo Sarah Parker (Gustavo Araujo)

Naturalmente, Tony achou curiosa a cena. Mesmo com o metrô lotado, ele conseguiu visualizar a garota que entrava. Ela tinha o cachecol xadrez enrolado no pescoço, as pontas caindo paralelas … Continuar lendo

20 de outubro de 2013 · 34 Comentários

Jornada de Arte (Gustavo Araujo)

Guilherme era um menino de oito anos. Como todo garoto nessa idade, ele não tinha medo de nada. Ou quase nada. Certa vez, decidiu que iria dar a volta no … Continuar lendo

13 de outubro de 2013 · 25 Comentários

Paralisia (Gustavo Araujo)

Com os olhos ainda fechados, Ricardo ouviu a filha Beatriz. A menina chorava ao longe, um lamento profundo, sentido, os soluços compassados em um ritmo cansado. Ele conhecia bem aquele … Continuar lendo

19 de setembro de 2013 · 43 Comentários

“O Garoto no Convés” – Resenha (Gustavo Araujo)

John Boyne é um autor fantástico. Sabe como poucos tomar fatos históricos e recontá-los sob o ponto de vista de gente comum, principalmente crianças e adolescentes.

10 de agosto de 2013 · Deixe um comentário

“A Culpa é das Estrelas” – Resenha (Gustavo Araujo)

Como é ler um livro cujo final – daqueles de torcer o coração – já é conhecido? Um livro sobre doença? Câncer? Quando eu soube do que se tratava procurei … Continuar lendo

31 de julho de 2013 · 2 Comentários

“O Artilheiro” – Resenha (Cabine Literária)

Dia do escritor. Difícil imaginar uma data mais apropriada do que esta para compartilhar a resenha que a Cabine Literária fez de “O Artilheiro”. Confiram lá!

25 de julho de 2013 · 1 comentário

“Reparação” – Resenha (Gustavo Araujo)

Briony Tallis tem uma inteligência invejável. Aos treze anos, é uma menina criativa, observadora sagaz e com uma rara habilidade para escrever, embora sugestionável. No verão de 1935, algo importante está … Continuar lendo

24 de julho de 2013 · 1 comentário

“O Silêncio das Montanhas” – Resenha (Gustavo Araujo)

Um dev assombra um vilarejo no Afeganistão. Todos sabem que sua intenção é levar uma das crianças que lá vivem consigo. A família escolhida deve se resignar com o destino … Continuar lendo

13 de julho de 2013 · 1 comentário

“Tocando o Vazio” – Resenha (Gustavo Araujo)

O desejo inexplicável que acomete algumas pessoas de chegar no topo de uma montanha, simplesmente porque ela “está lá”, para usar a conhecida explicação de George Mallory, tem sido explorado … Continuar lendo

11 de julho de 2013 · Deixe um comentário

O Escritor Coca-Cola (Gustavo Araujo)

Comecei a escrever “O Artilheiro” em 2008. Foi um processo longo, sofrido, até porque era algo que eu só podia fazer nas horas vagas. Em 2009, depois de várias revisões, … Continuar lendo

8 de julho de 2013 · 4 Comentários

“A Estrada” – Resenha (Gustavo Araujo)

O ano é incerto. Não há mais árvores, alimentos ou animais. O céu cinza paira onipresente, permeando a atmosfera gélida com desesperança. Por alguma razão que desconhecemos, o planeta se … Continuar lendo

29 de junho de 2013 · 1 comentário

“É Isto Um Homem?” – Resenha (Gustavo Araujo)

Dizem que ao escrever o primeiro rascunho de “É Isto Um Homem?”, sobre os onze meses passados em Auschwitz, o italiano Primo Levi (31 de julho de 1919 — 11 de … Continuar lendo

24 de junho de 2013 · Deixe um comentário

“Correr” – Resenha (Gustavo Araujo)

O corredor tchecoslovaco Emil Zatopek foi uma figura extraordinária. Por aproximadamente dez anos, reinou absoluto no mundo do atletismo, entre distâncias que iam dos 5 mil aos 30 mil metros … Continuar lendo

16 de junho de 2013 · Deixe um comentário

Isabelle and The Flower – Short Story (Gustavo Araujo)

It was time for Isabelle to go to sleep. Mom took her to bed, pulled the blanket and gave her a kiss on the forehead. The girl had a fever. … Continuar lendo

16 de junho de 2013 · Deixe um comentário

“Não Tenho Medo” – Resenha (Gustavo Araujo)

Em Acqua Traverse faz um calor infernal. Mesmo na atmosfera sufocante desse lugarejo perdido  norte da Itália, onde pessoas anseiam por uma vida melhor, Michele Amitrano, 9 anos, encontra tempo para … Continuar lendo

11 de junho de 2013 · 2 Comentários

Catherine And The Woods – Short Story (Gustavo Araujo)

I could never say how many times I heard Nina tell this story. Many years ago, when I was a little boy, my brothers and I used to spend the holidays … Continuar lendo

10 de junho de 2013 · Deixe um comentário

“Não me Abandone Jamais” – Resenha (Gustavo Araujo)

Kathy H. é uma garota adorável. Essa é a impressão que brota das primeiras páginas de “Não me abandone Jamais”, do autor japonês Kazuo Ishiguro. Em breve Kathy deixará de ser … Continuar lendo

7 de junho de 2013 · 2 Comentários

Rosália e o Crisântemo – Conto (Gustavo Araujo)

Era hora de Rosália dormir. Mamãe a colocou na cama, puxou o cobertor e deu-lhe um beijo na testa. Rosália estava com febre. Tudo bem, quando acordar certamente estará melhor. … Continuar lendo

30 de maio de 2013 · 3 Comentários

“O Endurance” – Resenha (Gustavo Araujo)

Uma das maiores façanhas da história da exploração polar é também uma das melhores documentadas. E consta, para a facilidade do homem moderno, no extraordinário livro “Endurance”, da autora americana … Continuar lendo

18 de dezembro de 2012 · Deixe um comentário

“O Safári da Estrela Negra” – Resenha (Gustavo Araujo)

Heresia suprema para quem gosta de livros e viagens como uma união necessária: eu nunca tinha lido Paul Theroux. O escritor americano nascido em 1941 é uma espécie de mentor … Continuar lendo

3 de dezembro de 2012 · Deixe um comentário

“A Arte de Viajar” – Resenha (Gustavo Araujo)

Confesso que sempre torci o nariz para livros que tratassem do ato de viajar em si. Talvez por preconceito ou por considerar que os autores fossem pretensiosos demais. Mas, pensando bem, poderia … Continuar lendo

31 de outubro de 2012 · 4 Comentários

Reflexo de Um Sonho – Conto (Gustavo Araujo)

Todas as manhãs, ao abrir os olhos, o pequeno Érico via a mesma coisa: uma imensidão negra pontilhada por galáxias distantes, que lembravam um gigantesco manto com diamantes pendurados. Nada havia … Continuar lendo

14 de julho de 2012 · 1 comentário

A Canção de Catarina – Conto (Gustavo Araujo)

Perdi a conta de quantas vezes ouvi Nina contar essa história. Era sempre assim antes de dormir, quando eu e meus irmãos íamos passar as férias em sua casa, no … Continuar lendo

8 de julho de 2012 · 1 comentário

O Livro do Destino – Conto (Gustavo Araujo)

Luiz Andrade Albuquerque era um recordista. Estava se aproximando dos noventa anos de idade. E isso, numa família em que estatisticamente não se esperava viver muito além dos setenta e … Continuar lendo

24 de junho de 2012 · 1 comentário

Fobia de Éden – Conto (Gustavo Araujo)

Sempre me achei um sujeito de sorte. Tinha um bom emprego – contador de uma grande loja de departamentos – que me permitia viajar com minha família para o Nordeste … Continuar lendo

30 de maio de 2012 · Deixe um comentário

“Eu Sou o Último Judeu” – Resenha (Gustavo Araujo)

Há muito perdi a conta do quanto li a respeito do Holocausto, um dos capítulos mais infames da história da humanidade. Para ser franco, já me considerava até anestesiado pelos … Continuar lendo

27 de março de 2012 · 4 Comentários

O Diário de Anne Frank – Resenha (Gustavo Araujo)

“Tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas”. A frase é conhecida. Está no “Pequeno Príncipe”, de Saint-Exupèry mas se aplica bem a Anne Frank.  Dizer que sua história é mundialmente conhecida é … Continuar lendo

2 de outubro de 2011 · 2 Comentários

O Livro de Elisa – Conto (Gustavo Araujo)

Elisa sempre teve a sensação de que os livros guardavam um segredo especial. Não um significado oculto nas narrativas, romances, aventuras ou fantasias, mas algo além, que estava escondido entre … Continuar lendo

9 de julho de 2011 · 2 Comentários

O Logaritmo do Gato – Conto (Gustavo Araujo)

Heitor aguardava com aflição. Sentado no banco de madeira, espremido naquela sala minúscula de paredes descascadas, agasalhava-se com o paletó marrom de pontas puídas, seu favorito. O rosto estava contorcido … Continuar lendo

21 de fevereiro de 2011 · 2 Comentários

O Clube de Pipas – Conto (Gustavo Araujo)

Ícaro estava entusiasmado. Era seu primeiro dia no Clube de Pipas. Tinha aprendido a empiná-las com seu pai, meses antes. Agora que fora aceito naquele famoso círculo, ia conhecer outros segredos, … Continuar lendo

22 de setembro de 2010 · 4 Comentários