EntreContos

Literatura que desafia.

Resultados do Desafio “Ficção Científica”

Caros participantes, amigos e curiosos de sempre. Um tema popular que trouxe novos autores. No total, 56 concorrentes inscritos e mais de 40 comentários por conto! Como novidade, a bonificação … Continuar lendo

12 de agosto de 2015 · 24 Comentários

Votação – Ficção Científica

Caros participantes e amigos, Agradecemos mais uma vez a presença de todos por aqui. Nada menos do que 56 (cinquenta e seis) contos inscritos, o segundo maior número até hoje … Continuar lendo

24 de julho de 2015 · 47 Comentários

Sarjeta dos Robôs (Pedro Luna)

A porta do HOJO BAR se abriu e Bentley foi arremessado violentamente para fora. O dono do lugar, Hojo, um enorme robô modelo Nexus (com bigode), apareceu na porta e … Continuar lendo

24 de julho de 2015 · 49 Comentários

Ensaio Quântico (Thales Soares)

Sofia desceu as escadas apresentando um nível alarmante de euforia. Seus pezinhos descalços correndo pelo chão gélido do sábado de manhã provocavam um alvoroço comparável a uma desordenada orquestra de … Continuar lendo

24 de julho de 2015 · 48 Comentários

Hoje é 23 (Bia Machado)

“Sua participação é muito importante para nós. Por favor, avalie nosso sistema para que possamos melhorar cada vez mais sua experiência de entretenimento com nossa marca”, solicitou a voz metálica … Continuar lendo

24 de julho de 2015 · 116 Comentários

A Sistemática da Alvorada Humana (Fil Félix)

Bem-vindo aos Arquivos de Zion. Você selecionou a pasta 17-9: Programas Governamentais Arquivo: Demanda Populacional #001 O 129º erro na Matrix, ocasionado por Laura Pauper e atualmente corrigido. * A … Continuar lendo

23 de julho de 2015 · 48 Comentários

Ainda há esperança (Marco Piscies)

Parte I: Uma mensagem Eden era a única nave inventada pelo homem com a capacidade de captar e utilizar a energia escura. Abundante no universo, essa energia alimentava seus motores, … Continuar lendo

23 de julho de 2015 · 60 Comentários

Doce Adeline (Fabio D’Oliveira)

O pôr do sol é belo, mas ela é mais. O som das ondas é inebriante, mas ela é mais. A brisa morna é acalentadora, mas ela é mais. A … Continuar lendo

23 de julho de 2015 · 50 Comentários

Al Kahf (Felipe Moreira)

BAHARYIA, DESERTO OCIDENTAL. Como uma onda no mundo físico, Sherine Abdel Masr sentiu a escuridão inundar o planeta quando ela e sua lanterna desabaram, em sincronia olímpica, no fosso do … Continuar lendo

23 de julho de 2015 · 49 Comentários

Identidade (Fabio Almeida)

Jared Fell não aparentava ser um homem soturno. Em todo o material que me ia chegando às mãos, o inglês possuía qualidades de sensual, de bom traço e língua ardente, … Continuar lendo

23 de julho de 2015 · 48 Comentários

Os chubs (Anorkinda Neide)

Os chubs são criaturinhas adoráveis, que vivem no mundo das imaginações. Não, espera… Os chubs são as criaturas mais amáveis que já conheci. Na verdade, não sei onde eles vivem. … Continuar lendo

22 de julho de 2015 · 102 Comentários

Inventores Invisíveis (Laís Helena)

A elfa foi empurrada contra uma cadeira e duas pessoas permaneceram ao seu lado, cada uma segurando um de seus braços contra a madeira lisa. Estranhamente, o assento estofado era … Continuar lendo

22 de julho de 2015 · 61 Comentários

Um Futuro Promissor (Phillip Klem)

Adeline sentia a vibração magnética do trem enquanto este corria por trilhos quase invisíveis. Suas articulações doíam irritantemente sob uma pele pálida e enrugada. ― Isso eles não podem consertar. … Continuar lendo

22 de julho de 2015 · 52 Comentários

Madeuza (Maria Santino)

O INCREMENTO — Engano   Discutiam como poodles no cio. Alarido esganiçado de agressões suportadas sobre pilares de frustração. Ele, rosto congestionado, dedo em riste como quem sublinha uma sentença, … Continuar lendo

22 de julho de 2015 · 51 Comentários

Ideia (Vitor Leite)

O espaço era escuro e sem qualquer referencia de em cima ou em baixo, esquerda ou direita. Sem cor e sem gravidade parecia um local ausente, um qualquer não-sítio, sem … Continuar lendo

21 de julho de 2015 · 47 Comentários

Morgax (Marcel Junior)

Negro. Tudo era negro, e então uma linha de luz tênue foi rasgando o breu, desabrochando numa fresta turva que foi crescendo e crescendo, ficando cada vez mais nítida. Pronto, … Continuar lendo

19 de julho de 2015 · 47 Comentários

Escarlate, amarelo (Angelo Dias)

Estava com uma chave inglesa nas mãos quando senti o puxão. O gerador de gravidade da nave falhou por um segundo quando as luzes piscaram. Tinha algo errado. “O que?”, … Continuar lendo

18 de julho de 2015 · 47 Comentários

Chuva Ácida (Jefferson Lemos)

Nem mesmo as estrelas duram para sempre  (Avenged Sevenfold – Acid Rain) Tão fugaz…   O horizonte árido se estendia tremulante com as ondas de mormaço estagnadas no ar. No … Continuar lendo

16 de julho de 2015 · 50 Comentários

Esperança que vem do céu (Cácia Leal)

Dizem que esse céu um dia foi azul. Eu não me lembro. Desde a primeira vez que o vi, sempre fora essa nuvem acinzentada que sufoca impiedosamente. Pelo menos contrasta … Continuar lendo

12 de julho de 2015 · 99 Comentários

O último e o primeiro (Renato Silva)

Sem nenhuma cerimônia, a câmara abriu e revelou um homem em seu interior. Ele ainda permaneceu imóvel. Mexeu as pálpebras e seus olhos foram se abrindo, aos poucos. Os tubos … Continuar lendo

12 de julho de 2015 · 55 Comentários

Tela azul da morte (André Luiz)

“Eu proponho… que nós façamos um robô capaz… de amar.” William Hurt, A.I.   A luz vermelha não parava de piscar. Os olhos de Borges estavam congelados no minúsculo botão … Continuar lendo

10 de julho de 2015 · 51 Comentários

A lembrança de Prístina (Davenir Viganon)

A primeira lição de um revolucionário tem que aprender é que ele é um homem condenado. – Huey Newton   I – Kubinka, Novaya Soyus No fim da tarde Vitaly … Continuar lendo

10 de julho de 2015 · 83 Comentários

Peste de uma Nova Era (Leonardo Jardim)

Com certeza existiam lixões menos fedorentos que aquele local. Pessoas aglomerando-se umas sobre as outras em algum estado catatônico de pseudo-vida. Realizavam movimentos aleatórios, reflexos de uma vida existente apenas em … Continuar lendo

8 de julho de 2015 · 105 Comentários

Kobo (Alberto Lima)

Este é um futuro distante. Esse. Não há nada para sorrir, me desculpem. Se procuram sorrisos, gargalhadas ou barrigas doloridas, parem de ler agora, eu imploro. Mas se a curiosidade, … Continuar lendo

8 de julho de 2015 · 50 Comentários

Opiniões (Lucas Rezende)

Dentro de um carro voltando para o apartamento que dividiam, a discussão seguia sem resolução. Contrariando um ao outro, gesticulando e de cenho franzido, defendiam energicamente seus ideais e objetivos: … Continuar lendo

8 de julho de 2015 · 50 Comentários

Destino Vazio (Mariza Campos)

Será que existe alguma maneira de ir para o futuro? Essa fora a frase que Jane Anning mais repetira entre os seus dez e dezessete anos, agora, com algumas centenas … Continuar lendo

7 de julho de 2015 · 49 Comentários

Diretriz (Leonardo Stockler)

Dentes da rua, pasta de dente, escova de dente, fio dental imprescindível. Um androide escova os dentes após a refeição, já há vinte minutos trancado no banheiro do bar, sem … Continuar lendo

6 de julho de 2015 · 55 Comentários

O Sentido da Vida (Fabio Baptista)

Faz 385 bilhões de anos, mas parece que foi ontem. Chegamos à praça e nos juntamos à pequena multidão cercando o homem de boné engraçado que transformava o líquido das … Continuar lendo

5 de julho de 2015 · 58 Comentários

A Colônia (Pedro Teixeira)

Max estava diante do projetor holográfico, com uma expressão inconfundível de tédio, os olhos cinzas cintilantes, o cabelo castanho ondulado penteado para trás, braços cruzados sobre a mesa. Seu trabalho … Continuar lendo

5 de julho de 2015 · 57 Comentários

A Sobrevivência de Derante (Anderson Souza)

A espessa fumaça do campo de batalha ocultava o horror que se prolongava por dezenas de quilômetros. O último ataque das forças humanas foi um desastre colossal e agora o … Continuar lendo

5 de julho de 2015 · 61 Comentários

Os filhos de Eva (Rogerio Germani)

Mesmo não sendo verão, a temperatura permanecia elevada no Catar de 2022, quase atingindo os 50 graus. Condição ideal para os carros movidos a calor ambiente. E, por sorte e … Continuar lendo

4 de julho de 2015 · 50 Comentários

30 Minutos de Mergulho (Marcos Miasson)

Dirigir até o ponto A. Coletar a carga. Dirigir até o ponto B. Entregar a carga. Retornar a central. Assinar uma via do relatório em todas as etapas anteriores. Por … Continuar lendo

4 de julho de 2015 · 94 Comentários

O Homem do Caos (Wilson Barros Junior)

Eu não conseguia afastar os olhos do seu terno amarelo-mostarda. – Doutor, o senhor já deve ter ouvido falar de Simon de Laplace – perguntei. – O matemático. O psicanalista … Continuar lendo

3 de julho de 2015 · 54 Comentários

A Nave (Catarina Cunha)

A Nave foi criada através de um estudo que durou meio século. Dotada de atmosfera autorregulável e autolimpante prescindia de filtros. Transparente em toda sua circunferência recebia luz natural regulada … Continuar lendo

3 de julho de 2015 · 122 Comentários

Ecos da Colônia (Rubem Cabral)

Xenozoobotânico Tibor Simón, log pessoal #489. O que posso dizer é que é insano, muito bizarro mesmo, visitar outro planeta habitável. A gravidade aqui em Kepler 977d, que carinhosamente apelidamos … Continuar lendo

3 de julho de 2015 · 53 Comentários

Santuário (Victor O. de Faria)

Andy acariciava as inscrições em seu braço esquerdo, enquanto apreciava o brilho artificial da imitação quase perfeita do Sol. A geração de autômatos domésticos, Androide Y, costumava estar no topo … Continuar lendo

2 de julho de 2015 · 70 Comentários

O Ancestral (Daniel Dutra)

Aline acordou. Nua e abraçada a Eduardo, ela não sabia quanto tempo havia dormido, mas estava acostumada. Era comum ao casal, após a terceira ou quarta relação sexual consecutiva, dormirem … Continuar lendo

2 de julho de 2015 · 54 Comentários

Defeito na Cama Gelada (Renan Bernardo)

Ano 1 – Dia 1 Foi difícil demais para me acostumar. Nos primeiros dias eu achei que estava louco ou sonhando. Desesperado, tentei acordar de todas as formas possíveis. Beliscões, … Continuar lendo

1 de julho de 2015 · 59 Comentários

Trigger/Gatilho (Tiago Volpato)

I. C01sas Entr3z Uma das coisas que menos gostava de fazer, era quando estava sentado no banheiro e precisava dar uma olhada nas notícias. Ele abominava qualquer tipo/espécie de informação … Continuar lendo

1 de julho de 2015 · 57 Comentários

Sete luas, oito planetas, quinze galáxias (Kleber Macedo)

Abro os olhos e vejo, sob um véu vermelho, apenas a poeira ocre que aderiu em parte do plexigas do visor de cristal líquido em frente ao meu rosto. Choco-me … Continuar lendo

1 de julho de 2015 · 70 Comentários

A Rainha e o Robô (Evandro Furtado)

Londres, 2144 Sob a espessa neblina, caminhávamos naquele inverno interminável. Era impossível distinguir se aquilo que caía sobre nossos ombros era neve ou poeira radioativa. Não importava, estávamos todos condenados … Continuar lendo

1 de julho de 2015 · 94 Comentários

Bye Bye Blue Sky! (William Oliveira)

Acordei assustado, o sol já invadia meu quarto e esquentava os meus pés. Justo eu, cão adestrado tão bem, que pulava ao ouvir o primeiro toque do despertador, como se … Continuar lendo

30 de junho de 2015 · 111 Comentários

Balada por Adele5 (Claudia Roberta Angst)

A vida não é justa. É apenas um apanhado de dados analógicos, desorganizados e caóticos. Não entendo o porquê da surpresa dos mais jovens. Estamos todos inseridos neste mesmo contexto, … Continuar lendo

30 de junho de 2015 · 58 Comentários

Um Pálido Ponto Cinza (Alan Cosme Machado)

Os seres de barro nos deram muitos nomes. Anjos, celestiais, orixás, loas, deuses, espíritos de luz… Devido à uma dominação cultural, a maioria deles nos imaginava como sendo europeus portadores … Continuar lendo

30 de junho de 2015 · 62 Comentários

Regulamento Desafio “Ficção Científica”

I – Do Texto e do Envio 1) A participação no Desafio EntreContos é totalmente gratuita. O Desafio é voltado a ESCRITORES que orgulhosamente sejam também LEITORES. 2) Os interessados … Continuar lendo

29 de junho de 2015 · 50 Comentários