EntreContos

Detox Literário.

Ao Vento (Luiz Felipe Carvalho)

Um viajante solene, leia-se até um pouco entediado por ser conhecedor das próximas paradas, expecta a seguinte: sua afetiva cidade, de onde estivera longe há alguns dias que soavam como … Continuar lendo

18 de junho de 2018 · 3 Comentários

A laranja decepção (Estela Goulart)

Nunca ganhei nenhuma copa. Na verdade, não que eu lembre, mas não quero entrar no mérito anti-neural daquela criança de 4 anos. Ainda assim, considero uma façanha incrível presenciar tal … Continuar lendo

17 de junho de 2018 · 2 Comentários

Nove Anos (Gustavo Araujo)

Curitiba, 4 de julho de 1982. Oi, vô, Tudo bem aí com você e a com a vó aí em Erechim? Estou escrevendo esta carta porque minha mãe disse que … Continuar lendo

15 de junho de 2018 · 4 Comentários

A tempestade inesperada (Daniel Reis)

Estava bem ali. No meio da tarde, deitado de costas, braços cruzados, exatamente no círculo central do campinho de várzea. Sozinho. Olhos para cima, vidrados nas nuvens, acompanhando a virada … Continuar lendo

14 de junho de 2018 · 4 Comentários

Gols Inesquecíveis (Vitor de Lerbo)

Uma criança vai ao estádio pela primeira vez ver seu time jogar. O garoto não tem mais de seis anos, mas esse dia ficará na sua memória para sempre; não … Continuar lendo

13 de junho de 2018 · 2 Comentários

Celebremos – Clássico (Carlos Drummond de Andrade)

A vitória do selecionado brasileiro na Suécia foi perfeita. Jogadores e técnicos abriram uma reta entre o ceticismo irônico do começo e a pura alegria nacional de domingo. Uma campanha … Continuar lendo

12 de junho de 2018 · 1 comentário

Copa, Cerveja e Guaraná (Rafael Luiz Penha)

Estaciono embaixo de uma amendoeira na rua. Pelo número de carros, percebo que não fomos os primeiros a chegar. Apesar do protesto da mãe, Miguel corre na frente, feliz pela … Continuar lendo

10 de junho de 2018 · 4 Comentários

Rewind (Eduardo Selga)

Em pleno janeiro de 2020, está nítido que não terei muito mais tempo de vida. Seja pela falta de saúde, seja pela ação policial contra os raros protestos de rua, … Continuar lendo

8 de junho de 2018 · 8 Comentários

Mágoa de criança (Givago Thimoti)

Futebol é um espelho da vida. Talvez seja esse o grande motivo do esporte ser o mais amado no nosso país. É uma das poucas coisas que conseguem alinhar pessoas … Continuar lendo

7 de junho de 2018 · 4 Comentários

Memórias do Penta (Tamires de Carvalho)

Meu pai sempre me colocava para dormir no final do jornal nacional. Era como uma lei lá de casa. Estudando a partir das sete da manhã, eu só podia, no … Continuar lendo

6 de junho de 2018 · 7 Comentários

Garrincha e o Mundial de 1962 – Clássico (Mario Filho)

Santiago, segunda-feira Quando os brasileiros voltaram a campo, Garrincha se sentiu assim, alvo de todos os olhares. Fotógrafos chilenos, os que iam ficar atrás do goal de Gilmar, correram para … Continuar lendo

5 de junho de 2018 · 3 Comentários

A Copa do Tri (Rubem Cabral)

Bem, isso tudo aconteceu antes dos supermercados modernos, talvez antes do iogurte de morango Chambourcy, em mil-novecentos-e-macarrão-comprado-a-granel-no-armazém. Móveis pés de palito, laquê, perucas Lady (tá?), picolé sabor toffee, anos de … Continuar lendo

3 de junho de 2018 · 14 Comentários

Dribles do Passado (Regina Ruth Caires)

A igreja era modesta, miúda, suficiente para abrigar os fiéis. Uma capelinha. O restante da praça, área imensa, servia a todos os moradores. Ali se juntavam, aproveitando o sol da … Continuar lendo

1 de junho de 2018 · 7 Comentários

Dia Estranho (Jowilton Amaral)

Era uma terça-feira oito de julho de dois mil e quatorze, feriado estadual. O sol se mostrava opaco entre as nuvens carregadas, amornando a temperatura e dando a cidade um … Continuar lendo

31 de maio de 2018 · 8 Comentários

Cida e a Televisão (Catarina Cunha)

Abrir um crediário é negócio complicado. Só por necessidade. A televisão, de imagem preta tremida e branca fora-de-foco, foi sendo invadida por um exército de fantasmas cinza e, assim, se … Continuar lendo

30 de maio de 2018 · 9 Comentários

Campeão do Mundo (Fernando Cyrino)

Levanta-se incomodado. A caminho do banheiro, inseguro, arrasta os pés. Atenção que precisa tomar a toda troca de empregada. O calombo dolorido na canela esquerda é prova da última substituição. … Continuar lendo

29 de maio de 2018 · 22 Comentários

Complexo de vira-latas – Clássico (Nelson Rodrigues)

Hoje vou fazer do escrete o meu numeroso personagem da semana. Os jogadores já partiram e o Brasil vacila entre o pessimismo mais obtuso e a esperança mais frenética. Nas … Continuar lendo

29 de maio de 2018 · 3 Comentários