EntreContos

Literatura que desafia.

Sentidos Afinados – Poesia (Anorkinda Neide)

sentidos afinados

Ao sentir os primeiros
toques do vento,
prelúdios de amor…

Percebi que a sinfonia
começara diferente,
notas de mais alto valor…

Fechei os olhos,
sintomas de febre…

Ouvido apurado,
a vida esticando de leve

o cordão da afinação…

Anúncios

13 comentários em “Sentidos Afinados – Poesia (Anorkinda Neide)

  1. Simoni Dário
    13 de junho de 2016

    Belíssimo! Falaste de alma, de vida, de dor e de amor. Prestando bem atenção, podemos ouvir ou não a bela orquestra da existência.
    Parabéns!

  2. vitor leite
    27 de novembro de 2015

    li este poema depois de “roer as unhas” e olha… vou roer as unhas mais uma vez. (desculpa mas este texto não mexeu comigo)

    • Anorkinda Neide
      30 de novembro de 2015

      Hahahha ok, Vitor!
      O ritmo da reflexão aqui é totalmente outro daquele do conto.
      Mas tá valendo!
      Obrigada pela leitura!
      Abraço

  3. Brian Oliveira Lancaster
    23 de novembro de 2015

    Poesia direto ao ponto, mas recheada de camadas sentimentais. Bela leitura leve, antes de entrar a fundo no desafio.

    • Anorkinda Neide
      23 de novembro de 2015

      Obrigada, Brian!
      A poesia há que inspirar-nos a todos!
      hehehe
      Abraço

  4. Fabio Baptista
    22 de novembro de 2015

    Chub! 😀

  5. Antonio Stegues Batista
    21 de novembro de 2015

    Muito bom! Essa é a verdadeira poesia sobre os valores da essência das coisas.

  6. Anorkinda Neide
    21 de novembro de 2015

    OI amores, obrigada pela leitura!! 🙂

  7. Claudia Roberta Angst
    20 de novembro de 2015

    Como eu gosto: curto, leve e belo.

  8. piscies
    20 de novembro de 2015

    Belo!

E Então? O que achou?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado às 20 de novembro de 2015 por em Poesias e marcado .