EntreContos

Detox Literário.

Resultados do Desafio Sobre Música

wolfgang_amadeus_mozart___pop_art_by_guillezeus-d621spd

Caros participantes, amigos e curiosos de sempre.

Definitivamente, um desafio eletrizante. Quarenta contos de alto nível em que cada voto, cada nota contou e, no fim, fez a diferença. O nível de participação, mesmo com comentários abertos, foi dos melhores, com o pessoal se dedicando até os 45 minutos do segundo tempo.

Bom, vamos ao que interessa!

A lista abaixo contém a relação dos contos, o pseudônimo, e o nome verdadeiro de cada um.

autoria

Também é interessante ver a relação de comentários.

coments

É de se reparar que dos quarenta participantes, onze deixaram de cumprir o previsto no regulamento e, por isso, infelizmente, tiveram seus contos desclassificados e deletados, juntamente com os comentários recebidos.

Prosseguindo, a tabela a seguir consolida as notas, com o total geral e a média obtida por conto.

pontuacao

Como se percebe, a votação foi muito apertada, com meros três pontos separando o primeiro do segundo colocado.

Como vencedor, “Mar dos Olhos de Marcela“, de Eduardo Barão:

Silêncio. Vitor ajeitou os óculos e molhou as lentes sem querer. Apertou o shampoo contra a palma da mão e em seguida esfregou carinhosamente sobre as mechas, modelando-as com o auxílio da espuma branca que havia se formado.

Em segundo lugar, “As Velhas Opiniões“, de Rubem Cabral:

Com um movimento automático e ofídio alcançou e ingeriu sua medicação sobre o móvel. Ao invés de seguir à varanda para a rotina usual de exercícios, foi direto ao banheiro. Acendeu a luz sobre o armário da pia e um uivo de absoluto horror morreu em sua garganta. De dentro do espelho, um besouro castanho e com sua altura exata, precariamente de pé sobre as patas traseiras, o observava com olhos compostos e balouçantes e grossas antenas.

E, por fim, completando o pódio, “Ucronia“, de Felipe Holloway:

Ia dizer “quando a gente namorava”, mas parei, e eu mesmo, a princípio, não entendi o motivo. Afinal, a rememoração detalhista da experiência com a tempestade já trazia em si a noção de um passado compartilhado romanticamente. Mas uma parte quase inconsciente de mim percebeu que, mesmo quando falávamos do episódio, ninguém ousou nomear o tipo de relação que tínhamos na época, como se isso equivalesse a admitir uma fraqueza, uma incapacidade latente de superar o rumo das coisas. E talvez fosse melhor manter tudo assim, no plano da disputa subliminar para ver quem cedia primeiro.

Só para lembrar, o campeão faz jus a um exemplar de “RedRuM – Contos de Crime e Morte”, cortesia de nossa parceira Caligo Editora.

Com o intuito unicamente de valorizar a realização de comentários nos contos postados, promovemos a seguir a entrega de troféus honorários para aqueles que se destacaram:

– O Troféu “Incorporou-o-Selga” vai para o José Leonardo, por conta de suas impressões fundamentadas, ainda que contestadas.

– O Troféu “Quarto Lugar Cativo” vai para o Fabio Baptista, que, pela quarta vez ficou a um passo do pódio… Calma, Fábio, nada de destruir as paredes.

– O Troféu “Dura-Lex-Sed-Lex-mas-com-dor-no-coração” vai para o Paco Moline, que deixou de comentar apenas UM conto, e para a Pétrya Bischoff, que comentou tudo mas não votou a tempo…

– O Troféu “Teclado-Swype-de-idioma-exclusivo” também vai para o Paco, especialmente por conta de impressões no conto Highway to Hell.

– O Troféu “Bom Samaritano” vai para o Marco Piscies, que comentou todos os contos e votou, mesmo sem ter inscrito um texto próprio.

– O Troféu “Divulgação-do-EntreContos” vai para o Eduardo Selga, que divulgou nosso site aos seus alunos, o que resultou numa participação maciça de gente interessada.

– Por fim, o Troféu “Cantinho do Castigo” vai para aquela galera que não gosta de ouvir críticas e se põe a brigar e a inventar avatares e nomes para se sobressair. Bom, não citemos nomes.

Brincadeiras à parte, queremos uma vez mais parabenizar todos os participantes pela preocupação que demonstraram em dar o melhor de si, tanto na elaboração dos próprios contos, como principalmente nos comentários realizados.

A partir de agora todos os comentários estão liberados.

Até o próximo desafio.

Equipe EntreContos.

41 comentários em “Resultados do Desafio Sobre Música

  1. Felipe Holloway
    7 de outubro de 2014

    Opa, antes tarde do que etc…

    Então, meus sinceros parabéns aos vencedores! Dois contos inquestionavelmente profissionais, que só vêm engrossar o caldo qualitativo da antologia do EC, que eu tenho a impressão que vai sair logo, logo.

    Agradeço também à galera que leu e comentou todos os textos dos colegas, e mais ainda àqueles que o fizeram mesmo sem estar efetivamente participando do certame. E uma reiteração do troféu “shame on you” para aqueles que não foram além da submissão de um original. Tsc, tsc…

    Parabéns ao Gustavo e a toda equipe do EC, que se profissionalizaram tanto na organização competente desses concursos que eu fico me perguntando o que o governo está esperando para contratá-los para organizar o Enem… Até poderiam pedir nossa ajuda, na hora da avaliação. Imagina o nível da próxima leva de alunos a ingressar no ensino superior, com o Edu Selga e o José Leonardo comentando e dando notas pra todas as redações? *-*

    No mais, meu muito obrigado aos que se dispuseram a ler o meu conto, e sobretudo aos que o acharam digno de uma nota acima da média. Medalha de bronze concorrendo com tanto trabalho competente (incluindo, claro, os dois merecedores dos lugares mais altos do pódio) é uma vitória e tanto.

    E um parabéns especial aos autores das obras de que mais gostei, além das já mencionadas vencedoras: Mil pedaços de um coração tatuado a nanquim (de longe o meu preferido, Fabão! Ou seja: su decepción es mi decepción, hahaha =/), Confidências, Saturnália, Fortuna, Pequenos Prazeres, O Ano do Gato, Confidências e A Bailarina e o Soldado de Chumbo.

    E que venha o próximo desafio!

    (P.S.: aos colegas que tinham manifestado curiosidade, Walter Underwood era, sim, uma junção de Walter Withe e Frank Underwood, dois dos personagens amorais mais fodas da ficção televisiva recente. =))

    • felipeholloway2
      7 de outubro de 2014

      Olhaí, curti tanto o Confidências que mencionei duas vezes, haha

    • Maria Santino
      8 de outubro de 2014

      😉

    • Fabio Baptista
      8 de outubro de 2014

      Felipe, aquele seu comentário salvou o dia! 😀

      Abraço!

  2. Rafael Sollberg
    6 de outubro de 2014

    Parabéns ao vencedores! Muito emocionante o conto vencedor.
    Aliás, essa disputa merecia um pódio quádruplo, pois estão todos no mesmo patamar.

    Um desafio surpreendente e de muita qualidade.
    Gostaria de agradecer aos amigos J.C Lemos e Maria Santino por me apresentarem esse projeto tão bacana. Estou adorando escrever sobre temas que em outra hipótese dificilmente passariam pela minha cabeça: um índio terrorista, uma bruxa católica, um demônio que não consegue ascender e, agora, sobre uma conspiração insólita na mente de um esquizofrênico.

    Um muito obrigado também para o Gustavo Araújo que, além de manter com competência esse certame, é de um espirito prestativo sem igual e de uma gentileza ímpar.

    Por fim, agradeço aos colegas pelas impressões deixadas no meu conto ” A felicidade é uma arma quente”.

    Valew galera

  3. Lucas Rezende
    6 de outubro de 2014

    Parabéns aos Campeões!!!
    Infelizmente não pude terminar o desafio. Contudo, adorei a experiência. Estarei firme e forte no próximo. Quero agradecer ao Fábio (bateu na trave cara) e ao Rubem pelos comentários e pelas dicas.
    Abraços pra todo mundo haha

  4. José Leonardo
    5 de outubro de 2014

    Parabéns aos primeiros colocados e a todos os participantes, comentaristas e moderadores deste desafio. Cada comentário é inteiramente relevante para mim e me ajudará a trilhar melhores caminhos.

    Obrigado pelo “troféu”, mas não sou crítico literário, sequer um acadêmico. Mesmo assim, tentei transmitir sinceridade e considerações em graus máximos. Quem me conhece (e aqui agradeço à Maria Santino, pois foi através dela que conheci o Entrecontos) sabe que detesto comentários “chá das cinco”, bajulações extremas e coisas afins. Lamento, também, a participação daqueles que comentaram através de fakes (aproveitando: Lidiane, onde está você? Tenho um forte palpite, um nome de quem se escondeu atrás dessa máscara).

    Vocês ganharam mais um leitor, e se o complemento da segunda regra de votação continuar valendo nos próximos desafios, certamente estarei por aqui.

    Abraços e sucesso.

  5. EntreContos
    5 de outubro de 2014

    Caros,

    Agradecemos as considerações. Já é clichê dizer o quanto é bacana tomar conta disso tudo. Ver as amizades, as discussões, os debates, o crescimento e a aprendizagem de todos, tudo isso faz com que busquemos melhorar sempre.

    Jamais teremos um sistema do gosto de todos. Seja aberto, seja fechado, seja com pontuação, seja com ranking, com tema livre ou predeterminado, não será possível atingir a unanimidade. Procuramos atender os anseios da maioria, democratizando as regras por meio de nossas enquetes. Àqueles que se veem frustrados por conta da adoção de um sistema longe do que consideram ideal, pedimos que usem esse aspecto como fator de motivação. Talvez ler, escrever e avaliar sob condições inóspitas faça surgir o que existe de melhor em termos de criatividade.

    Este desafio foi singular sob diversos aspectos: primeiro, a participação de alunos do Eduardo Selga, trazendo novo fôlego, novas abordagens e aprendizado para todos os participantes. Agradecendo ao Eduardo, esperamos que essa parceria se consolide, que se multiplique e que gere frutos.

    Também vimos um aumento no número de discussões que exigiram a intervenção da moderação. Debates são sempre bem vindos, mas é preciso saber dosar o nível da crítica, além de aprender a aceitar impressões desfavoráveis sobre o que se escreve. Este site tem funcionado a contento porque a maioria das pessoas entende isso.

    Outro aspecto que chamou a atenção foram os comentários.

    Há tempos os comentários “gostei/não gostei” vêm nos causando indignação. Sejamos francos: a maioria das pessoas chega até nós em busca de impressões em seus próprios textos. E quase todos recebem essas impressões de forma fundamentada. Porém, no momento de retribuir, alguns (a minoria, felizmente) opta por silenciar, ruminar comentários alheios ou, ainda, usar monossílabos.

    Conforme informado de antemão, neste certame desqualificamos esses comentários por considerá-los uma autêntica falta de respeito, convidando os autores a refazê-los. Essa será a conduta daqui por diante. Não serão aceitos comentários rasos ou que revelem que o autor não leu o texto.

    Outra coisa: muitos participantes deixaram para comentar os contos quando o prazo já se esvaía. Diversos, na verdade, optaram por deixar suas impressões nos textos alheios no último dia. Claro, não há regra que proíba isso, mas tal procedimento termina por prejudicar a análise. O resultado são comentários vagos e avaliações nem sempre acertadas ou justas.

    Quem é observador já percebeu que, ao final do período de inscrição, a moderação verifica o número total de contos e os divide por três, para chegar ao prazo remanescente para término de comentários e votação, estendendo esse intervalo para o sábado seguinte. Quer-se, com isso, que mesmo quem não comentou conto algum por ocasião do fim das inscrições, tenha tempo para ler e comentar decentemente — daí a conta a que nos referimos: três contos por dia.

    Queremos assim incentivar que os contos sejam lidos e comentados paulatinamente, para evitar atropelos e permitir análises e avaliações mais justas.

    É só uma dica, claro.

    Mesmo nos alongando, é válido cumprimentar os vencedores, Eduardo Barão, Rubem Cabral e Felipe Holloway. Seus contos são uma amostra do nível da produção aqui no EntreContos, motivo de orgulho para nós. Não é difícil prever que esses três nomes, ao lado de outros que vêm se destacando ao longo dos desafios, ultrapassarão nossas fronteiras em pouco tempo. Que sirvam de exemplo.

    Obrigado a todos uma vez mais pela participação, pelas dicas, pelo incentivo e pela vontade de ler, de escrever, e de tornar o EC um espaço cada vez melhor.

    Abraços.

    • eduardoselga
      6 de outubro de 2014

      Obrigado pela citação, e devo dizer que, embora a princípio eu temesse uma recusa em peso da turma, o resultado foi muito positivo em sala de aula, com discussões estéticas oriundas de textos do Entrecontos e dos comentários postados neles. Além dos próprios trabalhos, sempre eram citados “Mar dos Olhos de Marcela”, “Ilariê”, “Ucronia”, dentre outros. Um fruto positivo é que alguns alunos já afirmaram que pretendem continuar a participar do site, independente de avaliação minha.

  6. Edivana
    5 de outubro de 2014

    Senhores, parabéns pelo pódio! Contos excelentes e merecidos! Parabéns à organização. impecável como sempre. Foi bom estar aqui, e quando a gente gosta, a gente volta! Até mais!

  7. piscies
    5 de outubro de 2014

    O desafio foi excelente! Teve texto que me fez rir, chorar, ficar incomodado… é muito legal ver que o desafio entre contos cresceu tanto assim. Foi uma luta correr atrás do tempo para comentar todos os contos, mas consegui! Hahahahah!

    Todos os contos que ficaram no pódio são de altíssima qualidade. Parabéns a todos os autores. Vocês merecem.

    Estou ansioso para saber do próximo desafio!

  8. Gustavo de Andrade
    5 de outubro de 2014

    Ei! Quando é o próximo desafio? Quero participar :3

    • EntreContos
      5 de outubro de 2014

      Oi, Gustavo! Fique de olho na nossa página no facebook (facebook.com/entrecontos). Em breve divulgaremos a enquete para escolha do tema e do sistema de participação.

  9. Brian Oliveira Lancaster
    5 de outubro de 2014

    Notei que muitos tentaram sair do lugar comum e trocaram seus estilos de escrita nesse desafio. Foi realmente uma experiência muitíssimo interessante e renovadora. Parabéns aos vencedores, que também figuraram em meus preferidos. E, com certeza, todas as críticas e sugestões serão avaliadas e aplicadas.

  10. Alana Santiago
    5 de outubro de 2014

    Parabéns aos três primeiros lugares, parabéns a todos os que participaram ativamente e à organização do EntreContos! Foi meu primeiro desafio escrevendo, efetivamente, mas tenho acompanhado a movimentação por aqui, só não tinha coragem de expor o que escrevo antes. Desta vez escrevi algo dentro dos padrões que escrevo, coisas do cotidiano, esses conflitos do dia-a-dia, um tanto suavizados na linguagem. Me surpreendi com as notas recebidas, pois é um estilo um tanto diferente do usual por aqui, mas para os próximos estou disposta a fazer o exercício de tentar outras formas de narrar, acho que isso fará bem pra mim e tenho certeza que continuarei a receber comentários que me ajudarão nesse processo. Os contos vencedores estão entre os meus preferidos, e parabenizo também o Fabio, a Tamara, a Thata Pereira, a Maria Santino, o Gustavo Araujo, a Anorkinda e a Claudia (Claudia, quem dera eu saber “sabrinizar” um texto com essa tua técnica, rs…), parabéns!

    • Claudia Roberta Angst
      5 de outubro de 2014

      Valeu, Alana! Continue participando, tá? 🙂

    • mariasantino1
      6 de outubro de 2014

      Opa, Alana. Obrigada pela menção. Nos leremos no próximo? (assim espero). Abraço! 😉

      • Alana Santiago
        6 de outubro de 2014

        Vou fazer o possível pra isso, Maria! 😉

  11. JC Lemos
    5 de outubro de 2014

    Parabéns aos vencedores e aos participantes!
    Barão mereceu o primeiro lugar, assim como o RC também era merecedor haha
    Obrigado aos que comentaram meu conto e aos que entenderam, cada um a sua forma, Aos que não entenderam, fica aqui meu obrigado também, por terem deixado seus pareceres e suas dicas. Todas, inclusive a mais dispensável, foram de grande valia.

    Obrigado ao Gustavo Araújo pela organização maravilhosa. Certamente esse foi um dos melhores, quiçá o melhor, de todos!

    Até a próxima, e continuem escrevendo!

  12. Wender Lemes
    5 de outubro de 2014

    Parabéns a todos!
    Não pude participar desta vez, mas fico muito feliz por todos que se dispuseram e evoluíram com este desafio.

  13. Claudia Roberta Angst
    5 de outubro de 2014

    Parabéns a todos os participantes. Aos vencedores, os louros. Ou as batatas?
    Foi um ótimo desafio e adorei o feedback. Não vou conseguir mudar muito o meu estilo, portanto, amem ou odeiem meus contos ora mornos, “sabrinescos” (essa foi a mais difícil de engolir) ou sem clímax. Considero cada comentário um incentivo.
    Adorei o troféu “Cantinho do Castigo”para galera que não lida bem com as críticas e resolve bater boca e começar com um mimimi interminável. Guardem a energia para criar contos interessantes.
    Enfim, ganhando ou perdendo, mas aprendendo a escrever. Valeu muito!
    Abraços.

    • José Leonardo
      5 de outubro de 2014

      Olá, autora. Quanto ao estilo (que me lembrou a enfadonha coleção “Sabrina”): minha opinião continua a mesma. Lembro que é somente uma de tantas impressões, então, não há necessidade de “engoli-la” (para mim, o “sabrinesco” continua valendo, ainda que o termo expresse um tom pejorativo). Respeito suas colocações e de suas colegas, além de não ver problema em quem goste de tal literatura. Abraços.

      • Claudia Roberta Angst
        5 de outubro de 2014

        Já engoli e digeri. Não tenho mais idade para fazer birra como uma mimada contrariada. Em momento algum, pretendi que mudasse de ideia. Valeu para rever meus conceitos e disciplinar o ego. Agradeço pela leitura e comentário. Abraços.

  14. Fabio Baptista
    5 de outubro de 2014

    Caramba, 4º lugar de novo… sou o Vasco da Gama do EntreContos… 😦

  15. Eduardo Barão
    5 de outubro de 2014

    A princípio, me escapam palavras para descrever o quão difícil é acreditar que angariei o primeiro lugar num certame tão esplêndido como este.

    Estou me sentindo tão perdido e eufórico que nem sei por onde começar, mas tentarei elencar algumas considerações que julgo pertinentes. Em primeiro lugar, devo dizer que andei refletindo muito sobre a minha conduta: eu sou um tipo insuportável de aspirante a escritor. Imaturo, birrento, questiono, discuto, não lido bem com prazos e faço brincadeirinhas/pirraças desnecessárias ou de caráter duvidoso (e acabo me arrependendo depois). Penso que tais características estejam diretamente associadas à minha idade (há pouquíssimo tempo eu estava completando o colegial, vejam só) e muitas coisas podem ser corrigidas com o tempo. Muito obrigado a todos que me aturaram e peço desculpas se algum comentário que fiz soou muito duro ou desmotivador. Minha principal intenção aqui é promover o hábito saudável da escrita e, justamente por pensar que todo exercício literário é válido e que todo conto possui algum mérito, tentei não atribuir notas muito baixas no sistema de votação.

    Gostaria de parabenizar o Rubem pelo excelente “As Velhas Opiniões”, cuja qualidade profissional é espantosa e só reafirma a sua competência como escritor.

    Gostaria de parabenizar o autor do conto “Réquiem para a Inocência”, meu preferido no desafio e digno de muito elogio.

    Dedico um agradecimento triplo ao grande Gustavo Araújo: pela iniciativa de ter criado um espaço tão especial como a Entre Contos; por ter sido sempre tão compreensivo durante todas as ocasiões em que mantivemos contato e por ter postado meu conto em seu perfil pessoal. É uma grande honra concorrer com um escritor que tanto me inspira (o seu Reconstruindo Sarah Parker é o meu conto favorito de todos os desafios).

    Outro agradecimento vai ao colega Fabio Baptista pelo comentário que redigiu em meu conto “Tente um pouco de Carinho” (que participou do Desafio Faroeste e foi desclassificado graças à minha desistência espontânea). Me fez abrir os olhos, posicionar os pés bem fincados no chão e reconsiderar certas práticas. Agora consigo escrever sem buscar tanta aprovação, sem deixar de ser honesto e sem me preocupar em transparecer qualquer imagem superficial.

    Obrigado a todos vocês que me inspiram, que me incentivam e que me ajudam a evoluir cada vez mais! Obrigado por terem participado , por terem feito parte dessa experiência maravilhosa comigo. Obrigado a todos que votaram. OBRIGADO!!! 😀

    • Thiago Mendonça
      5 de outubro de 2014

      Obrigado pelo elogio, Eduardo! SOu o autor do Requiem, e me enche de orgulho saber que escrevi o conto preferido de alguém nesse certame 🙂

      Abraço, sua vitória foi mais do que merecida!

    • Fabio Baptista
      5 de outubro de 2014

      Barão, se há pouquíssimo tempo você estava completando o colegial e já está escrevendo desse jeito… estou certo que o futuro reserva algo realmente grandioso para sua carreira literária.

      Fico contente que aquele comentário tenha, pelo menos, motivado essa reflexão. Até pensei em falar diretamente com você naquela oportunidade, mas pensei – “ah… deixa pra lá, tem coisas que o tempo se encarrega de resolver”.

      E o resultado está aí. Demonstrou muito mais maturidade e venceu um certame de forma surpreendente e, por que não dizer, épica, não pela inquestionável qualidade do seu texto, mas pela concorrência (que eu julgava imbatível) do conto “Velhas Opiniões”.

      Meus mais sinceros parabéns.

      E vamos continuar escrevendo! 😀

      Abraço!

  16. Andréa Berger
    5 de outubro de 2014

    Queria deixar registrado, primeiro, meus parabéns aos participantes, principalmente aos vencedores. Li contos incríveis, que me colocaram contra a parede, que me fizeram pensar, que me deleitaram… estão todos de parabéns. Segundo, a experiência incrível que foi participar do site. Confesso que quando o professor Eduardo Selga chegou com a proposta, não achei que seria tão fascinante. Pense só, escrever um conto, colocá-lo para julgamento público e ainda ter de comentar cerca de 30 contos (acabou sendo 39), isso tudo tendo anos e anos desde a última vez que escrevi uma narrativa (que foi numa prova de vestibular em 2009/2010, por sinal). Mas acabou sendo totalmente fantástico observar as críticas e os elogios, ler contos muito bem escritos (outros nem tanto, mas penso que todos aqui tem grande potencial, é só continuar lapidando) e pensar sobre o que eu poderia dizer aos autores que os ajudassem a melhorar seus textos (e aqui fica um pedido de desculpa para quem meus comentários não foram tão úteis assim).

    Esse desafio, além disso tudo que já disse, me despertou de volta a vontade de escrever, de pensar nas histórias, de criar novamente, o que é algo que eu já tinha abandonado faz um bom tempo. E isso é insubstituível. Muito obrigado a todos que gastaram parte do seu tempo para ler e comentar o meu conto – mesmo que seja obrigatório. Graças a vocês pude perceber vários defeitos de escrita que pretendo melhorar, e como pode-se ter tantas diferentes interpretações, mesmo num conto com uma história simples, como o meu. Esse feedback foi importantíssimo e muito relevante na minha vida.

    E por último deixar um parabéns especial aos autores dos contos: Fortuna, As Velhas Opiniões, Mar dos Olhos de Marcela e Ucronia. Seus contos me tocaram de uma maneira única… e quanto talento. Tanto em termos técnicos, quanto numa opinião baseado totalmente em gosto pessoal, vocês escreveram histórias maravilhosas. Assim que eu puder, quero ler mais coisas desses autores, com certeza.

    Um abraço, e que todos possam continuar se aperfeiçoando e melhorando nessa arte cada vez mais.

    • mariasantino1
      6 de outubro de 2014

      Que lisonjeiro! Esteja conosco, sim? A partilha é a melhor parte 😀

      • Andréa Berger
        6 de outubro de 2014

        Maria Santino, pretendo continuar por aqui sempre que eu puder. Gostei muito da dinâmica do site, e os vários elogios que já fiz no comentário acima. Obrigada 🙂

  17. Fabio D'Oliveira
    5 de outubro de 2014

    Adorei participar desse concurso. Fazia muito tempo que não escrevia algo! Parabéns aos vencedores e perdedores. Há uma gama muito grande de escritores incríveis por aqui, incluindo os iniciantes! É uma iniciativa maravilhosa, pois todos crescemos juntos. Vou tentar participar do próximo como escritor, mas só garanto a participação como leitor. Nostalgia pura, esse lugar.

  18. Swylmar Ferreira
    5 de outubro de 2014

    Prezados, bom dia.
    Inicialmente gostaria de parabenizar a todos os participantes do desafio musica. Afinal, sabemos que não é fácil ‘dar a cara a tapa’.
    Parabenizo também aos três primeiros colocado: Eduardo Barão, Rubem Cabral e Felipe Holloway, pela competência em escrever e principalmente pelas belíssimas histórias que escreveram.
    Eduardo, faço questão de dizer que seu conto foi dos mais belos que já li e olha que eu sou rodado.
    Enfim, espero que o ENTRECONTOS continue com esta função esplendorosa que oportuniza aos participantes receber comentários deveras importantes sobre os textos.
    Muito obrigado a todos.

  19. mariasantino1
    5 de outubro de 2014

    Bom Dia 😀

    Vim parabenizar todos os participantes deste que foi o melhor certame que já pude participar. Quero muito agradecer aqueles que ofereceram seus trabalhos para que pudéssemos nos deleitar. Li ótimos textos e tive meus sentimentos mexidos (essa foi uma das melhores partes).
    Quero muito agradecer também a todas as pessoas que dispuseram um pouquinho do seu precioso tempo para ler minha pequena transcrição (nada criativa, que Gilberto Gil e os grandes escritores me perdoem, se possível) intitulada “FORTUNA” ( Olha a roda girando 🙂 ). Cada comentário possui extremo valor para mim, sobretudo aqueles que expuseram uma crítica construtiva. Concordo com todas elas: Faltou criatividade… Nota-se que o autor não está no seu elemento, não é natural para ele escrever assim…
    Tentarei não cometer velhos erros e aplicar as dicas que colhi, tanto no meu texto, quanto nos demais textos do certame (essa parte é importante também, algumas dicas são preciosas), nas criações futuras.
    Gostaria de ter visto alguns contos melhores posicionados e comentados, mas, somos diferentes e devemos respeitar as opiniões.
    Abraço apertado nos amigos, desculpem se atrapalhei de alguma forma e obrigada novamente. 😉

  20. Lucimar Simon
    5 de outubro de 2014

    Foi uma experiência incrível participar deste certame. É importante para podermos ver, como a subjetividade além de claro uma concorrência acirrada influencia as pessoas em uma produção, em uma elaboração textual. Isso foi claro e evidente neste desafio. Foi um aprendizado muito bom, muito importante para minha formação. Uma coisa que a princípio parecia ser algo ruim que se revelou nem tanto ser por alguns fatores.

    Agradeço a todos os participantes que votaram e que comentaram meu texto. Este “Homem do Cão” que foi produzido, (não criado) em 3 horas, e que postado nu e cru intencionalmente para a avaliação do ato instantâneo de criação. (nessa proposta ele atingiu um excelente resultado). Agradeço aos mediadores do Entrecontos, aos colegas da disciplina “Criação Literária”, e em especial ao Prof. Eduardo Selga pela paciência e por proporcionar a nós, seus alunos essa incrível experiência.

    É notório o quanto levam a sério o “produto” de seus esforços, a disputa fica acirrada, os ânimos se elevam e em alguns casos inflam-se. Isso é muito bom. Fico feliz por ter cumprido todas as etapas do processo que culmina com tanta festividade entre os publicadores e divulgadores do “Entrecontos”. A forma como conduzem o desafio não “facilita” para os oportunistas, isso é ótimo, mas também não os inibem ou impedem de se divulgarem.

    Minhas notas e opiniões (Comentários) estão sempre baseadas em “gosto pessoal”, impressões sobre o tema abordado, sobre a pertinência crítica dentro de fatores relevantes da uma sociedade. Não me detenho em correções gramaticais ou estéticas, até porque não tenho cacife para tal pretensão, isso ficou a cargo de professores e grandes contistas que fazem parte do desafio.

    Finalizando, retomo meus sinceros agradecimentos ao professor Eduardo Selga, reafirmando a importância de está matriculado em uma disciplina como a que ele está nos ofertando. Deixo aqui, um até mais a todos os participantes e que possam continuar o labor do ato de praticar “engenho e arte”. Parabéns aos vencedores!

    Abraço a todos.

  21. rubemcabral
    5 de outubro de 2014

    Parabéns ao Eduardo Barão pelo pódio e pelo ótimo conto. Parabenizo também todos os que participaram ativamente, que realmente leram e comentaram de forma isenta.

    Muito obrigado a todos os que embarcaram na viagem louca de Gregório! Fiquei surpreso ao notar tanta gente que já leu Kafka e muito contente pelo feedback.

    Ótima a organização do certame, sempre em busca de formas ideais para ir de encontro aos anseios da maioria. Certamente este sítio é um dos mais democráticos e inclusivos do ciberespaço!

    Especiais agradecimentos aos autores dos ótimos Mar dos Olhos de Marcela, Saturnália, O Ano do Gato, Mil Pedaços de um coração tatuado a nanquim, Ucronia e Aurora. Foram excepcionais leituras, dignas de figurarem em publicações profissionais (não que não existiram outros contos ótimos no desafio, mas pq estes, em especial, fizeram o que todo bom texto deve fazer: refletir, entreter, causar assombro, admiração pelo estilo, etc.)

    [jabá mode on]
    Para a galera que por acaso queira conhecer um pouco do meu trabalho, deixo aqui o link do meu livro recém-lançado, “A Linha Tênue”, uma compilação de 29 contos de temática fantástica com muitas brincadeiras metalinguísticas, como em meu conto “As velhas ideias”.

    Link->http://caligo.lojaintegrada.com.br/pre-venda-a-linha-tenue-rubem-cabral-contos

    Para ler 33 páginas do livro ->http://caligoeditora.com.br/amostra/amostra-ALT.pdf

    [jabá mode off]

    Bem, grande abraço a todos e continuemos a escrever!

  22. Davi Mayer
    5 de outubro de 2014

    ?Galera, muito bom o desafio. desculpa qualquer coisa, cheguei meio embriagado de um casamento e não resistr em ver o resultado. \KKKKKKKKKK

    Muito massa o resultado. Fiquei feliz pq a maioria das notas me deixou acima de 5 eheheheheheh mas de qualquer forma é muito bom participar desta evolução com vcs e devo confessar que graças a cada um que tem comentado de forma construtiva tem alavancado cada vez mais o meu potencial na escrita. minha namorada que o diga, pois ela é a minha fiel leitora em todas as horas. 🙂

    muito obrigado a todos os comentários, aos idealizadores do projeto e parabéns aos vencedores. /Aos que não conseguiram pontuar, confesso que me surpreendi, pois foi exatamente aqueles que dei a maior nota. é de se perceber que os contos são reunidos por pessoas de vários estilos literários, e muitos não gostam do que você escreve, não pq escreve mal, mas sim, pq escreve para o seu NICHO de público. ai que vem o problema. contudo, todos os comentários são bem vindos, pois engrandecem.

    não desistam aqueles que não alcançaram uma pontuação regular. faz parte do processo! persistam, pois é muito bom escrever. é bom demais!!!!!!!!!! aqueles que levam essa tarefa a serio demais já perderam o real significado de CRIAR
    um novo mundo e imergir as pessoas nele.

    bom, fico feliz e ansioso pelo próximo, pois aguardo pelo próximo DESAFIO.

    felicidades e bom restinho de domingo. vou cuidar da minha ressaca. KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK desculpa ai, estou bêbado. ehehehehe

    mas, independente, sou sincero em minhas palavras.

    OBRIGADUUU!!

  23. Felipe Moreira
    5 de outubro de 2014

    Muito bom. Bem merecido mesmo. =) Foi um prazer participar do desafio com todos vocês. Esse mês teve muitos trabalhos excelentes. Parabéns! 🙂

  24. Pétrya Bischoff
    5 de outubro de 2014

    Gurizes!, parabéns ao pódio e a todos os que estão crescendo no Entre Contos, me sinto muito bem com vocês.
    Só senti falta do Eduardo Selga hahahhaha
    Que venham muitos outros, e que algum dia nos conheçamos 😀 Sério, eu penso muito nisso hahhah’

  25. Anorkinda Neide
    5 de outubro de 2014

    Eeeeeeeee Barão.. Parabens!!! Mais que merecido!!
    Aplausos!!

    Parabens a todos os envolvidos, show demais!!
    🙂

E Então? O que achou?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

Informação

Publicado às 5 de outubro de 2014 por em Música e marcado .