EntreContos

Literatura que desafia.

Resultados do Desafio Duplas

knowledge-transfer

Caros EntreContistas!

Sem medo de cair no clichê, chegamos ao fim de uma verdadeira maratona literária. Praticamente dois meses se passaram desde o lançamento deste desafio que tirou todo mundo da zona de conforto. Queremos, antes de tudo, agradecer o empenho de todos aqueles que se dedicaram, que se esforçaram para não deixar o companheiro de dupla a ver navios e, principalmente, todos aqueles que se sacrificaram para deixar o melhor de si nos comentários. É muito bacana perceber o entusiasmo, o esforço de cada um e especialmente o respeito demonstrado para com os outros. Parabéns de verdade!

Seguindo aquele tradicional método de revelação, reproduzimos abaixo a tabela com as autorias – quem começou e quem complementou cada um dos contos inscritos -, já disponibilizada no nosso grupo no facebook:

autorias

Apenas um participante deixou de enviar o complemento. Por pouco não atingimos a perfeição!

Abaixo vê-se a relação dos contos, conforme as notas obtidas!

notas2

O conto com a maior nota foi “Infinitos“, de Maria Santino e Fabio Baptista, média de 8,585:

A mulher experimentou cada sensação que as sentenças imaginárias traziam, depois degustou um sorriso e afundou os polegares no fruto com uma veemência quase criminosa, assistindo a polpa amarela emergir entre seus dedos. Pensou por alguns instantes se a cabeça do marido ficaria daquele jeito se o tiro houvesse atingido lá e não na perna. A mão cheia de jaca encontrou a boca e o prazer da fermentação adocicada fez a mulher gemer de olhos fechados, evocando memórias da mocidade. Era bom, era doce, eram as tardes de verão com a prima atrevida que gostava de urinar em formigueiros, porque acreditava que aquilo lhe traria prosperidade.

A segunda melhor média foi de “A Galinha Degolada II“, de Wilson Barros Júnior e Gustavo Araujo, média de 8,362:

As duas agora moravam comigo. Tinham-se apossado da sala, do aparelho de televisão. Não sei de onde tinha surgido, ao lado da TV, uma gaiola de plástico que elas chamavam “chiqueirinho”. O chiqueirinho tinha uma porta coberta com grades azuis, e uma espécie de tranca que só elas sabiam abrir. À noite, no horário da novela mexicana “Uma Virgem Estapafurdiada”, elas prendiam os meninos lá, como se fossem pequeninos porcos, e ligavam a TV. Enquanto soava o barulho estridente da novela elas riam estridentemente e os dois meninos tentavam escapar, gritando também:

– Abraiola, saltura! – ordenava um.

– Vapita, adonarai! – insistia o outro.

A terceira maior nota foi de “O Canto do Homem-Pássaro“, de Jefferson Lemos e Rubem Cabral, com média de 8,294:

“Uma escultura para cada Homem-Pássaro, o arauto dos deuses, que deixava o plano existencial. Todo Tangata Manu sabia quando iria morrer, e suas lápides eternizadas eram encomendadas com bastante antecedência. O chefe e profeta da tribo Kalihan, Makau’hara, era pai de Malaki, e um dia já fora consagrado na competição dos homens que falavam pelos deuses. Nadou até a ilha Motu Nui como um peixe flecha, eles diziam. Cortou as águas numa velocidade incrível, e antes que o sol manchasse o horizonte de púrpuro, alcançou a pedra da vitória. Ergueu um canto tão alto que pôde ser ouvido nas margens de Rapa Nui. Pegou não um, mas dois ovos, e voltou nadando com um em cada mão.

No entanto, desta vez, o vencedor do desafio é definido pela média obtida em cada qual dos contos que participou, tanto iniciando como complementando, desde que, é claro, tenha cumprido as regras atinentes a comentários e avaliação dos demais contos. Nesse contexto, a classificação é a seguinte:

classifica2

Parabéns, então, ao nosso Fabio Baptista, o homem que esmurra paredes, campeão do desafio Duplas, com a participação nos contos “Sob as raízes do Cipreste” e “Infinitos”. Em segundo lugar, ele, que odeia escrever sobre si mesmo em terceira pessoa, Gustavo Araujo (“Interferência” e “A Galinha Degolada II”) e, completando o pódio, o candango Thiago de Melo (“Um Sopro de Vida” e “Agora e para Sempre”. Parabéns mais uma vez a todos os autores pela coragem e pela dedicação ao nosso espaço.

Lembrando que o campeão receberá em casa, livre de custos, um exemplar de “A Vista de Castle Rock”, da vencedora do Nobel de Literatura Alice Munro.

 

Até o próximo desafio!

Equipe EntreContos.

…………………………………………………

Post atualizado em 22/08/2016, às 00h15.

Anúncios

11 comentários em “Resultados do Desafio Duplas

  1. Wilson Barros
    23 de agosto de 2016

    Olá de novo. Faltou agradecer ao Ricardo de Lohem pelo brilhante comentário, e parabenizar ao Fábio, Thiago, Rubem, Jefferson e minha “ídola” Maria Santino pelo grande resultado.

    • mariasantino1
      23 de agosto de 2016

      Parabéns pelo grande conto, Sir. Wilson. De longe o melhor conto dessa edição (minha opinião). Obrigada pelo carinho e aquele abraço 😉

  2. Wilson de Jesus Barros Júnior
    23 de agosto de 2016

    Obrigado a todos pelos comentários e notas generosas no conto da galinha, do qual fui coautor. Agradeço a Gustavo por salvar o conto. Falando nisso, podemos continuar a continuação indefinidamente:

    “Pela manhã, acordei sentindo-me esquisito e tentei levantar-me, sem sucesso. Apavorado, notei que cordas restringiam completamente meus movimentos.
    – Como você não presta mesmo, decidimos amarrá-lo – explicou uma.
    – Só vai ser solto quando apresentar um comportamento minimamente tolerável – alertou a outra.
    Os moleques riam, enquanto coloriam uma edição raríssima das “Viagens” de Swift.
    – Paiavô, Gullivando!
    – Avôpai, é Lillipucastigo!”

    Considerei também um privilégio completar o conto da Amanda, espero que ela continue presente nos desafios. Haha, esse certame foi uma experiência e tanto.

  3. Matheus Pacheco
    21 de agosto de 2016

    Fabio, algum dia eu quero saber seu segredo para vencer, coisa que eu sempre me impressionei com você. Mas pulando as brincadeira, um abração e um gigante parabens.

  4. mariasantino1
    21 de agosto de 2016

    Fala aí, galera!

    Gostei muito da experiencia. Tentar prosseguir o que foi iniciado por outra pessoa me foi penoso, mas só o fato de aceitar o desafio e sair da zona de conforto ( e não coalhar, né?) já foi um puta feito. Parabéns a todos os que conseguiram ir até o fim, e parabéns também ao JC cujo texto “O Homem Pássaro” foi o de maior destaque nas médias.
    Quero agradecer à Sasha Cardoso, cujo conto de sua autoria (Primal) eu complementei. Agradeço também ao chefe por ter paciência comigo e minha internet ruim. Obrigada também ao nosso Capitão Nascimento (ou Fábio Baptista), pelo muito que fez em meu conto. Deixo um pedido de desculpas por qualquer rispidez que eu possa ter repassado nos comentários (isso nunca é minha intenção) e também pela avaliação apressada desse mês. Espero poder participar mais ativamente e que os amigos afastados (RSollberg, Selga, J. Leonardo e outros que não lembro agora) possam voltar.
    Enfim, foi minha melhor participação devido ao trabalho final do conto que iniciei. Muito obrigada a todos.
    Que a vida seja boa e a inspiração Infinita.

    Sucesso!

  5. Brian Oliveira Lancaster
    21 de agosto de 2016

    Parabéns pelo empenho de todos, incluindo os novos e também aos vencedores – que já são prata da casa, mas dessa vez tiveram uma “ajuda” de outros escritores. O destaque vai para a Maria Santino, que fazia tempo que não aparecia e voltou chutando a porta.

  6. Claudia Roberta Angst
    21 de agosto de 2016

    Parabéns aos meninos do pódio. Do Fábio Baptista, nem vou falar nada para não repetir o palavrão dito inbox. Fazer o que se o sujeitinho sabe escrever?
    Do Chefe Gustavo, sem palavras para demonstrar minha admiração, sobretudo pela dedicação e empenho aqui. Maravilhoso trabalho de escrita e organização.
    E Maria Santino… O que dizer desta menina? Há tempos, venho torcendo para que suba nesse bendito pódio como representante das mulheres (hei, sem discurso feminista aqui). Muito talentosa e merece brilhar muito mais. Por fim, parabéns a todos nós que fizemos bonito nesse desafio, superando todas as dificuldades e fazendo o nosso melhor. Valeu! 🙂

  7. Olisomar Pires
    21 de agosto de 2016

    Parabéns a todos e, novamente, grato pela oportunidade do aprendizado nesse espaço com tantos bons escritores.

  8. Bia Machado
    21 de agosto de 2016

    Parabéns ao que escreveram os contos mais bem colocados, parabéns aos autores mais bem colocados, merecidamente! E parabéns a todos que participaram, mais uma vez, desse mega desafio! 😉

  9. Anorkinda Neide
    21 de agosto de 2016

    Parabéns, FB!! É campeão, é campeão! hehe
    Parabéns, Gustavo e Maria!! uhhuhuuuu viva a Gordinha!
    Parabéns a todos!

E Então? O que achou?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado às 21 de agosto de 2016 por em Duplas e marcado .