EntreContos

Detox Literário.

Natural (Pedro Luna)

10mai2013---linha-do-horizonte-de-nova-york-nos-estados-unidos-e-vista-do-topo-do-edificio-one-world-trade-center-uma-espiral-ultima-peca-do-topo-da-construcao-foi-instalada-nesta-sexta-feira-10-1368207109200_956x500

Estava prestes a saltar da cobertura do edifício quando percebeu um homem de terno timidamente a se aproximar.

– Ei – gritou. – Esse lugar já é meu.

– Por favor – suplicou o sujeito. – Podemos ir juntos? Não suporto a ideia de pular sozinho.

O primeiro refletiu e perguntou:

– Você tem motivos? Se forem maiores que os meus, tudo bem.

– Acho que não tenho motivos.

– Câncer? Morte na família? Falência? – o primeiro quis ajudar.

– Nada disso – negou o homem. – Eu só… só quero morrer, sabe?

– Mas você tem razões para viver?

O homem de terno sorriu ao responder.

– Muitas.

E foi ali que se entenderam.

– E quais são os seus motivos? – agora era o de terno quem perguntava.

Apontando com o queixo a cidade vivente lá embaixo, o primeiro suspirou.

– E quem disse que eu preciso de um?

Deram as mãos e foram.

Anúncios

60 comentários em “Natural (Pedro Luna)

  1. Fabio D'Oliveira
    29 de janeiro de 2016

    ௫ Natural (Abel)

    ஒ Estrutura: Conto escrito de forma simples, mas com estética bela que realça a lindeza da situação. A narrativa é tão natural quanto o título do microconto.

    ஜ Essência: A velha questão do sentido da vida. Precisamos de um motivo para viver? Precisamos de um motivo para morrer? Bem, um dia chegaremos nessa questão.

    ஆ Egocentrismo: Gostei bastante do conto. Pela leveza da abordagem, e pela situação surreal.

    ண Nota: 10.

  2. harllon
    29 de janeiro de 2016

    Consegui visualizar muito bem a cena peculiar demonstrada de forma singela no seu conto. O otimismo presente no conto é realmente muito interessante.

  3. Nijair
    29 de janeiro de 2016

    .:.
    Natural (Abel)
    1. Temática: Morte. Suicídio em dose dupla.
    2. Desenvolvimento: Diálogo estranho, gente esquisita… Em ações de tentativas de suicídio, já participei de algumas, como oficial do Corpo de Bombeiros, o diálogo é essencial, mas a persuasão é noutro sentido.
    3. Texto: Gostei da apresentação do texto.
    4. Desfecho: Tragédia dupla! O que era para ser terrível ficou mais ainda. Particularmente, essa temática não me atrai – já expressei isso noutros textos com as mesmas feições. Viver é bom – a morte é feia!

  4. Pedro Luna
    29 de janeiro de 2016

    Infelizmente não gostei muito. Não me comprou a ideia do suicídio sem motivos. De ponto positivo, a ambiguidade no final e o certo ar de estranheza na relação dos personagens. : /

  5. mkalves
    28 de janeiro de 2016

    Apesar do final ambíguo me agradar, faltou consistência na discussão em torno do suicídio. É crível que alguém queira simplesmente morrer, para que sentir isso com verdade teria de saber um pouco mais dessa pessoa. Um terno e o medo de ir sozinho não me bastaram.

  6. Tamara Padilha
    28 de janeiro de 2016

    É bom, você escreve bem mas achei o estilo… muito direto, não me deixou nada para imaginação, nem na escrita e nem no menredo. Boa sorte.

  7. Swylmar Ferreira
    28 de janeiro de 2016

    O texto esta bem escrito, mas a trama é muito utilizada. Isso comprometeu a criatividade.
    Boa sorte.

  8. Kleber
    27 de janeiro de 2016

    Abel, meu nobre.

    Toda e qualquer coisa que tenha a ver com suicídio não é nem um pouco legal para mim. A ambiguidade se apresentou no final, é verdade. Mas, cara, pra mim não deu.
    Seja como for, voce escreve bem e creio que será feliz em diversos outros desafios que participar.

    Sucesso!

E Então? O que achou?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado às 14 de janeiro de 2016 por em Micro Contos e marcado .