EntreContos

Detox Literário.

A Arte da Ficção – resenha por Marcia H. Saito

A-ARte-da-ficçãoDavid Lodge
L&PM Pocket
250 pags

Nessas andanças por livros, tutoriais, tudo que fosse útil para o aprendizagem da escrita, foi-me sugerido este livro pelo meu amigo literário Thiago Amaral. Procurava por exemplos de literatura e escritas diferentes e variadas. Eis que esse livro caiu como uma luva para a minha busca.
Davida Lodge é um crítico literário e escritor que fala sobre a arte da ficção, separadas em tópicos explicativos e trechos de romances que exemplificam cada ponto em questão. Nele encontra-se um pouco de tudo que se pode classificar a escrita e estrutura de uma história, como por exemplo o início de uma história, monólogo interior, ambientação, O título, ideias, etc.
O autor também exemplifica e explica tipos e estilos de romances, tal como o romance experimental, a prosa floreada, romance epistolar e dentre outros.
Digo que é um livro muito útil para se conhecer o universo de estilos de escrita de autores famosos. Com a explicação de um acadêmico que entende do assunto, explicar a razão destes escritores terem a fama que têm.
Confesso que os pontos de vista do autor foram surpreendentes no sentido do tipo de explicação que acreditava não existir. Achava que era literatura bem escrita e ponto. A razão do uso de elementos de estruturação, narrativa e de composição, explicados de maneira entendível, como assim dizer.
Um guia de consulta para reforçar o escritor que já trabalha na área e explicativo para quem ainda não adentrou a fundo no universo da escrita.

Sobre Marcia Saito

Escrever e desenhar são os sentidos que fazem o meu caminho. Criar sempre. Desistir jamais.

4 comentários em “A Arte da Ficção – resenha por Marcia H. Saito

  1. adriane dias bueno
    6 de março de 2014

    Puxa, que legal encontrar uma resenha sobre este livro fantástico. Foi depois de ler esta pequena grande obra que publiquei meu segundo livro independente, Marcia. Muito boa escolha para resenha de um livro que fala sobre características e estilos de escrita, com uma linguagem tão boa que parece um romance e não uma obra de teoria literária.

    • mhs1971
      6 de março de 2014

      Fico feliz que tenha colaborado de alguma maneira em sua publicação. A satisfação de compartilhar uma boa leitura faz o meu propósito ser compensador. Muito obrigada e feliz publicação.

  2. Jefferson Lemos
    19 de fevereiro de 2014

    Obrigado pela dica. Vou procurar esse livro.

  3. G. C. Milezzi
    17 de fevereiro de 2014

    Creio que essa informação vai-me ser útil em minha jornada de aprendizagem. Grato pela dica e boa resenha.

E Então? O que achou?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

Informação

Publicado às 17 de fevereiro de 2014 por em Resenhas e marcado , .