EntreContos

Literatura que desafia.

O Caminho dos Mil Sóis (Jefferson Lemos)

boy-140915_960_720

A vida passou em frente aos olhos de Anwar.

“A TV ligada exibia o noticiário recente.

Na tela, um homem capturado em uma filmagem precária adentrava em meio à multidão. Segundos depois, um grito alto e uma explosão. O jorro de corpos voou num arco lento, cercando a mancha indistinta no meio da praça.

Anwar soube que era uma causa nobre. E ainda mais que isso, soube que seria seu destino, pois tinha sido tocado pela Mão de Deus.

Naquela época tinha apenas oito.”

Agora, com dez, o chamado de Alá era ressoado em trombetas, e o mundo desacelerado desenrolava o caminho do infinito, na trilha para o paraíso.

Deus é poderoso!

Um milhar de pontos brotou de repente: O coração parou no mesmo instante – o semblante guardando um sorriso; estremecendo o corpo nas ondas da dinamite. Virou cinzas e se esvaneceu em luz…

Como o brilho de mil sóis.

Anúncios

58 comentários em “O Caminho dos Mil Sóis (Jefferson Lemos)

  1. Fabio D'Oliveira
    29 de janeiro de 2016

    ௫ O Caminho dos Mil Sóis (Calla Bryn Sturgis)

    ஒ Estrutura: Estilo harmônico e magistral. O autor é especialista na área. Não há mais o que falar sobre isso.

    ஜ Essência: Um tema recorrente com nossa realidade atual. Muitas crianças sofrem com isso. Acreditam que morrem por um deus e que serão recompensados por isso. O autor é digno o bastante para abordar esse assunto.

    ஆ Egocentrismo: Gostei, gostei. A leitura foi super agradável e o tema é importante para levantarmos algumas reflexões.

    ண Nota: 10.

  2. Tamara Padilha
    29 de janeiro de 2016

    Gostei. Se refere ao Islã já que menciona Alá. Pelo que entendi seria algo como um menino bomba.
    Muito bom, você conseguiu passar todas as emoções em 150 palavras.

  3. Matheus Pacheco
    29 de janeiro de 2016

    Cara, me perdoe, mesmo e achando seu texto excelente e por mais que eu também tenha escrito sobre algo “religioso”, eu não sei aonde mas eu não curti muito, por favor entenda que eu não estou dizendo que não gostei, só que não curti.
    Um abraço amigo.

  4. Nijair
    29 de janeiro de 2016

    .:.
    O Caminho dos Mil Sóis (Calla Bryn Sturgis)
    1. Temática: Religiosa.
    2. Desenvolvimento: O texto sai da tela para as telas, buscando plateia para o desenlace da personagem suicida.
    3. Texto: Tinha oito… Agora com dez… O óbvio precisa ser dito. Tinha oito pode ser qualquer coisa. A narrativa ficou imprecisa. Que tal colocar ‘Tinha oito anos?’
    4. Desfecho: Foca na expectativa da luz que surge depois da morte. Essa esperança reforça a fé daqueles que acreditam nessa perspectiva.
    Texto reflexivo. Boa sorte!

  5. mkalves
    28 de janeiro de 2016

    Esse foi mais um dos contos que deixa a sensação de ser um fragmento, um bom fragmento, aliás, de uma narrativa maior. Mas como unidade avulsa ele perde força. Acho que todo esse argumento e esse climax mereciam desenvolvimento em um conto maior.

  6. Thales Soares
    28 de janeiro de 2016

    Calla Bryn Sturgis, wow, que pseudônimo complicado!

    Não gostei da história.

    A escrita me agradou, o escritor mostrou-se habilidoso e experiente, fazendo uma boa construção para seu conto. O tema escolhido, entretanto, guerra religiosa, não me atrai nem um pouco. Achei a ideia um pouco fraca, se comparada aos concorrente aqui neste desafio.

    Teve muitas passagens que eu não consegui compreender, mesmo lendo mais de uma vez.

    De qualquer forma, desejo boa sorte para o autor neste desafio.

  7. Nijair
    27 de janeiro de 2016

    Tinha oito… Agora com dez… O óbvio precisa ser dito. Tinha oito pode ser qualquer coisa. Narrativa imprecisa e vaga. Boa sorte!

E Então? O que achou?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado às 14 de janeiro de 2016 por em Micro Contos e marcado .