EntreContos

Detox Literário.

Folhas de Outono (Regina Ruth Rincon Caires)

O parque estava quase vazio. As pessoas escolheram o aconchego entre paredes, rejeitando, de vez, o vento frio da tarde e o sol tímido do final de outono. Poucas crianças … Continuar lendo

1 de agosto de 2019 · 24 Comentários

O Mendigo do Viaduto do Chá – Conto (Regina Ruth Rincon Caires)

A moeda corrente era o cruzeiro. A passagem de ônibus custava sessenta centavos. O ano era 1974. Eu trabalhava no centro da cidade, em um banco que ficava na Rua … Continuar lendo

8 de fevereiro de 2019 · 2 Comentários

O Estranho Visitante – Conto (Regina Ruth Rincon Caires)

A cada enxadada, fincando o chão seco, duro e praguejado, o suor escorrendo pelas costas abaixo, sob um sol impiedoso, Gregório, involuntariamente, matuta. Se ao menos essas lembranças o abandonassem … Continuar lendo

21 de janeiro de 2019 · 2 Comentários

Prelúdio (Regina Ruth Rincon Caires)

  Pela escuridão do quarto, imagina ser noite.  Ou madrugada… Perdera a noção do tempo. Foram muitas mortes, muitos renascimentos. Tanta aflição, tantas dores, tanta luta! Mas, agora, vindo não … Continuar lendo

20 de novembro de 2018 · 34 Comentários

Dribles do Passado (Regina Ruth Caires)

A igreja era modesta, miúda, suficiente para abrigar os fiéis. Uma capelinha. O restante da praça, área imensa, servia a todos os moradores. Ali se juntavam, aproveitando o sol da … Continuar lendo

1 de junho de 2018 · 7 Comentários

Indo ou Vindo (Regina Ruth Caires)

Aquele era seu lugar nos finais de tarde. Ali, abrigada sob a imensa quaresmeira, acomoda-se no velho banco e fixa os olhos num ponto. Apenas um arvoredo cerca a casa … Continuar lendo

7 de abril de 2018 · 54 Comentários

Vicentão, o Semideus (Regina Ruth Rincon Caires)

Vicentão, caboclo indecifrável, sentia-se velho. Cansado, agigantado. A voz grossa soava quase ininteligível, era um sussurro entrecortado por pigarros e tosse. Mas as filas continuavam, desmedidas. Ainda penaria por vários … Continuar lendo

6 de dezembro de 2017 · 49 Comentários

Vida Roubada (Regina Ruth Rincon Caires)

Tinha pouco mais de dez anos. De espírito curioso, ávida por conhecer detalhes, de descobrir as entranhas até mesmo de inutilidades, Glorinhaera um corisco que campeava por todos os lugares … Continuar lendo

26 de setembro de 2017 · 102 Comentários

Juvenal e o Entregador de Pães – Conto (Regina Ruth Rincon Caires)

O dia de Finados estava se aproximando… Época do ano que rendia um ganho a mais para Juvenal, e que o ajudava a remendar as dívidas. Era pintor de parede, … Continuar lendo

16 de setembro de 2017 · 6 Comentários

A Velha Privada (Regina Ruth Caires)

Percebia que a paciência do meu pai havia atingido o limiar da descompostura. Havia mais de um mês, desde que outubro começara, as queixas diárias da minha mãe soavam como … Continuar lendo

5 de agosto de 2017 · 94 Comentários