EntreContos

Detox Literário.

Microcontos 2021 – Extrait de parfum (Fernanda Barbetta)

[A1]

Substituíram todas as árvores da praça por bancos, e os passarinhos aprenderam a cruzar as pernas.

[A3]

Era um martírio acordar e vê-lo ao seu lado na cama, mas ainda sentia-se incapaz de guardar o travesseiro ocioso dentro do armário.

[B3]

Viajam apenas com as mochilas nas costas. Descobriram que bagagem é o que se traz, não o que se leva.

[B4]

Buscou no instrumento musical uma forma de ser ouvido. Embora fosse capaz de falar, não tinha voz. Logo descobriu que apesar de serem capazes de ouvir, eram todos surdos.

[C1]

Disseram que algo duradouro não poderia ser precioso, então, dividiu a saudade em pedacinhos.

[C3]

– Zé, o que você acha que vem depois que morre a esperança?

– O inesperado.

[D1]

Escreveu um livro com o final fechado, então o leitor quebrou a janela.

[D2]

Foi até a ponte assim que amanheceu. Esperaria ali até as 14h, o horário que acreditava ser o certo para pular.  Felizmente, o horário certo para desistir era antes do almoço.

[E1]

Há anos, tranquei amores e amigos em uma caixa. Hoje tenho medo de descobrir ter sido eu a ficar do lado de dentro.

[E2]

Ela era água, ele, vinho. Entrosaram-se brevemente com receio de se tornarem um vinho aguado.

77 comentários em “Microcontos 2021 – Extrait de parfum (Fernanda Barbetta)

  1. SIlvana Maria Fernandino
    5 de junho de 2021

    Encantada, Fernanda com seu mínimo de palavras com o máximo de sentido. Sucesso sempre. Abraço 🌻 Silvana

  2. Lara
    13 de abril de 2021

    Muito criativo e profundo!

  3. Angela Ferreira
    12 de abril de 2021

    Achei o máximo!
    Vou estudar para tentar escrever também.
    Parabéns!

  4. Pingback: Fernanda Caleffi Barbetta | EntreContos

  5. Leda Spenassatto
    11 de abril de 2021

    contos ótimos
    adorreiii
    inveja colorida

  6. Sabrina Dalbelo
    11 de abril de 2021

    Fernanda, que tino, que certeza de cada palavra. Tudo orquestrado com a nota certa.
    Tu ganhou já no primeiro, o meu preferido, digno de prêmio por ele mesmo.
    Parabéns!

    • Fernanda Caleffi Barbetta
      12 de abril de 2021

      eba, vc por aqui minha amiga querida. Muito obrigada por ter vindo ler e comentar. Gosto de saber sua opinião. Bjs

  7. Pingback: Resultados do Desafio Microcontos 2021 | EntreContos

  8. anamartorelli
    10 de abril de 2021

    Olá, Extrait de parfum!

    Aqui uma das minhas coleções favoritas, super sucintos da maneira que acredito que microcontos devem ser. O autor ou autora parece ser íntimo do formato proposto, mas achei que alguns deles não chegaram a apresentar de fato uma micro narrativa. B3 assemelha-se a um pensamento, não desenha tão bem a personagem, mas segue não sendo ruim. Meu favorito é sem dúvida alguma B4, temática urgente e preponderante em nossa sociedade, são se sabe bem aonde está de fato a solidão, se no público ou no privado. Arrisco a dizer que em ambos… viajei um pouco com este micro, mas faz parte. rsrs’ A3 brilhante e E1 também!!!

    Parabéns pelos micros e boa sorte.

    • Extrait de parfum
      10 de abril de 2021

      Ana, chèri, agradeço o comentário em minhas pequenas fragrâncias. Au revoir. Merci.

  9. Ana Maria Monteiro
    10 de abril de 2021

    Olá, Extrait de parfum.

    Microcontista encartado/a e com grande perícia na arte de sintetização, você representa uma concorrência quase desleal perante os outros participantes (esta piadinha é um elogio). Concisão, precisão, genialidade, perspicácia, são apenas algumas das palavras que podemos usar para legendar os seus micros, onde não consigo escolher um como favorito, são verdadeiras pérolas. Talvez o que gostei menos tenha sido o último, E2. O conjunto foi um trabalho genial. Você vai estar na minha lista, claro – e penso que na de todos.

    Parabéns e boa sorte no desafio.

    • Extrait de parfum
      10 de abril de 2021

      Fiquei sem palavras. Só posso agradecer comentário tão generoso e maravilhoso. Merci, merci, merci, merci, merci.

  10. Amana
    10 de abril de 2021

    Olá, Extrait! Após ler tantas coleções de micros, eis que encontro aquela a qual posso dizer que gostei de todos, todos. Depois de reler os textos, acho que consigo eleger E1 como o meu favorito. E E2 como o que menos gostei, estabelecendo uma ordem de preferência apenas.

    • Extrait de parfum
      10 de abril de 2021

      Fantastique, mon amour! Muitos mercis e muitos aromas maravilhosos na sua vida.

  11. Anorkinda Neide
    9 de abril de 2021

    kkk estou rindo do vinho aguado!
    Vc fez um belo trabalho, Extrait de parfum.
    Textos curtos com sacadas e trocadilhos inteligentes.. Algo de insólito tb como no primeiro e no D2…No todo uma bela coleção, gostosa de se ler.
    Parabéns!
    ps: nao entendi o A3..nao seria ‘acordar e NAO ve_lo ao seu lado?’

    • Extrait de parfum
      9 de abril de 2021

      Oh, vou até pegar um vinho, não aguado, para brindar seu comentário, mon amour. No A3, ela via o travesseiro ocioso que ainda não tinha coragem de colocar no armário. Merci.

  12. Klotz
    9 de abril de 2021

    Ótimo pseudônimo, considerando que a fragrância é minúscula, mas poderosa.
    A1 Gostei muito. Apesar da cara de pensamento é um microconto. A3 – uau! Sintético e perfurante. B3- Este é quase que uma legenda para a imagem. A legenda escolhida, por sua vez é um pensamento comum. Faltou a criatividade. B4 – Novamente no limite entre pensamento e conto. Na dúvida pró réu. Sem originalidade, explorou a questão da dificuldade na comunicação. C1 -Eu poderia copiar e colar o comentário anterior – da dúvida entre pensamento e conto. Também não é original fatiar sentimentos.C3 – Resposta inesperada. Gostei. D1 – espetacular! Curtíssimo. Põe o leitor a pensar. D2 – ótimo. Precisei reler para entender com exatidão. Considere retrabalhar o texto para deixar mais claro o segundo parágrafo. E1 – Faz pensar, refletir. Muito bom. E2 – bom. A ideia é comum, porém bem desenvolvida. “Entrosaram-se brevemente” pode ser retrabalhada. Tente alguma imagem mais carnal. – Sou crítico por natureza (diferente de ser cruel) O conjunto está ótimo. Tenho pontuado individualmente os contos e, apesar de serem dez contos, acredito que o seu trabalho ficará entre os melhores. Parabéns. O seu estilo é muito diferente daquilo que eu faria. É admirável.

    • Extrait de parfum
      9 de abril de 2021

      Terminar com “É admirável” me fez esquecer a parte em que diz que alguma coisa ali era pensamento e não microconto…. Merci.

  13. Ana Carolina Machado
    9 de abril de 2021

    Oiiii. Abaixo falarei um pouco mais detalhadamente de cada texto sobre cada um dos microcontos:
    (A1)
    Um microconto que reflete sobre como a cidade está cada vez mais perdendo o verde de sua paisagem. Antigamente tinham mais árvores pelas ruas e praças, hoje em dia restaram poucas árvores e as cidades parecem maia quentes devido a falta da vegetação.
    (A3)
    Um microconto sobre a perda de alguém e o lugar vazio que ele deixou na cama e na vida da pessoa. Talvez ela esteja demorando a guardar o travesseiro porque quando fizer isso vai ser como se tivesse que aceitar a perda da pessoa.
    (B3)
    Um microconto sobre uma viagem em que a principal bagagem era o que as pessoas levavam dentro delas.
    (B4)
    Um microconto reflexivo sobre como as vezes a pessoa pode ouvir, mas escolhe ser surda e fingir não ouvir os seus semelhantes.
    (C1)
    Um microconto sobre a saudade que foi dividida em pedacinhos. Achei o conto sensível e pode ser entendido como uma metáfora para o fato da saudade poder ser compartilhada com outras pessoas.
    (C3)
    Um microconto sobre um diálogo que reflete esperança ou a falta dela.
    (D1)
    Um microconto sobre um final fechado que fez o leitor quebrar a janela, talvez tentando encontrar mais alguma coisa no final.
    (D2)
    Um microconto em torcemos para que o personagem tenha desistido de pular e tenha escolhido viver.
    (E 1)
    Um microconto reflexivo sobre amores e amizades e sobre o receio da pessoa de ter se afastado sem notar.
    (E2)
    Um microconto sobre duas pessoas que provavelmente eram tão diferentes como a água e o vinho.

    Parabéns pelos textos e boa sorte no desafio!

    • Extrait de parfum
      9 de abril de 2021

      Oh, mon chèri, muito boa a sua interpretação dos meus microcontos. Merci.

  14. Fernando Dias Cyrino
    9 de abril de 2021

    Olá, Extrait de parfum. cá estou eu a navegar pelos seus microcontos. achei-os interessantes. Fazem um bom conjunto. Você os escreve de maneira bem aberta, o que é algo necessário aos contos muito curtos. E até chega a brincar com isto em D1: “Escreveu um livro com o final fechado, então o leitor quebrou a janela.” Usa também a ironia de forma leve, o que enriquece a sua narrativa. Fica com o meu abraço e muito sucesso nesse nosso certame.

    • Extrait de parfum
      9 de abril de 2021

      Navegue à vontade, mon amour. Feliz com seu comentário. Merci.

  15. jeff A Silva
    9 de abril de 2021

    Olá caro autor ou autor.

    Uma seleção de ótimos perfumes em pequenos frascos por aqui! Cada conto trabalhou nas pequenas ideias para mostrar seu grande valor. São simples e vão direto ao ponto com seus tamanhos certos e seus objetivos objetos claros.
    Nem todos me cativaram ou emocionaram, mas com certeza tem pérolas entre esses pequenos. Como a pequenina (mas grandiosa) poesia do C1 e a boa (e inesperada kkk) surpresa que temos no C3.

    Parabéns pelo trabalho e sorte no desafio.

    • Extrait de parfum
      9 de abril de 2021

      Que ótimo ter sentido a ótima fragrância dos meus frasquinhos e encontrado as pérolas. Au revoir. Merci.

  16. Fil Felix
    9 de abril de 2021

    Olá, Extrait de Parfum!

    Microcontos em microfrascos, né? Uma coleção muito boa de pequenas histórias, algumas das quais são pequenas mensagens, eu diria. Tive certa dificuldade com os participantes que optaram por escrever o limite de 10 micros, geralmente acabam “sobrando” demais. Mas aqui, talvez por serem bem curtinhos, não acabou acontecendo e todos tem seu destaque.

    Gostei de B3, sobre a ideia de trazer e não levar (só pensei que essa mochila deveria estar vazia, então?). O inesperado após a perda da esperança também foi uma ótima sacada, até mesmo otimista! Gostei demais. Também achei a mensagem por trás do E1, sobre a gente se fechar em nós mesmos, muito boa. Um ponto negativo, se eu posso comentar, seria que muitos dos micros (não só aqui) acabam parecendo uma mensagem de auto-ajuda (no bom sentido!) do que um conto propriamente dito. Mas no geral, uma ótima coleção que criou aqui, com uma escrita forte e objetiva, mas sem perder a sensibilidade e até um surrealismo romântico, como os pedacinhos de estrela.

    • Extrait de parfum
      9 de abril de 2021

      Gato Felix, mon amour, gostei do seu comentário. Merci. O da mochila, na verdade não importa muito o tamanho dela, se está cheia ou vazia, a ideia era dizer que não precisavam mais levar malas e mais malas porque aprenderam que o que conta é a bagagem que adquirem (experiência) em cada viagem. Um cheirinho pra vc.

  17. davenirviganon
    8 de abril de 2021

    [Extrait de parfum]
    Adorei a concisão nos contos, os que conseguem entregar uma história são muito bons, conseguem expandir-se dentro de quem lê como os [A3] [B4] [C1] [D2] [E1]. Alguns, entretanto conseguem formar apenas uma imagem, sem contar uma história. Talvez tenham faltado a palavra certa, para me consquistar. [A1] [B3] [C3] [D1] [E2].
    O fato é que temos um exímio(a) microcontista aqui!

    • Extrait de parfum
      9 de abril de 2021

      Viragon, chéri, a ideia era contar dez historinhas, mas se te contei metade tá bom. Merci.

      • Extrait de parfum
        9 de abril de 2021

        acertei tb só metade do seu nome… Viganon, pardon. (minha nota foi cortada ao meio agora)

  18. Fabio D'Oliveira
    8 de abril de 2021

    Um(a) mestre da objetividade, né?

    Gostei bastante do seu trabalho. Além da boa escrita, você tem um talento nato para dizer muito com poucas palavras. Você vai direto ao ponto, sem floreios, sem pompa. É um tipo de virtude, imagino. Eu gosto de um pouco de “fluflu”, hahaha, mas dá gosto ler algo tão objetivo quanto seus textos. Não tenho nenhuma crítica, todos os micros estão perfeitos, ao meu ver. Para mim, seria impossível escrever algo assim, sendo sincero.

    Aliás, adorei o pseudônimo. Para mim, remeteu à essência. A grande concentração de algo num corpo pequeno. E é exatamente isso que você entrega no seu trabalho.

    Meu micro favorito é B4. Amei a forma como você fala do poder. Quem não tem voz, ou seja, poder e influência, é sempre ignorado pelos outros. Há um sentimento tão grande na sociedade de que algumas pessoas possuem mais autoridade que outras. Se X fala Y, Y deve ser verdade. Esse é o poder de quem tem voz. O micro também me lembrou duma reflexão de Nietzsche. Não basta ter talento, precisamos da autorização dos outros para tê-lo. E isso é muito triste.

    Parabéns pelo ótimo trabalho!

    • Extrait de parfum
      8 de abril de 2021

      Fabio, mon amour, você merece muitos pequenos fracos dos melhores perfumes do mundo. Amei seu comentário generoso e sua interpretação do B4. Merci.

  19. danielreis1973
    7 de abril de 2021

    Prezado(a) Extrait de parfum:
    Em pequenos frascos, seus microcontos concentram uma essência muito especial, demonstrando toda sua habilidade de dizer muito, mesmo em poucas palavras. O que eu não gostei muito foi do final abrupto de alguns deles, com o D1 e o A1 (este, particularmente da imagem de pássaros de pernas cruzadas). Como destaques positivos, ressalto E2 e C1, este que apesar de simples, é profundamente tocante ao falar sobre saudade. Parabéns, boa sorte!

    • Extrait de parfum
      8 de abril de 2021

      Oh, que beleza ter sentido a minha essência muito especial. Seu comentário foi especial também. Merci.

  20. Felipe Lomar
    7 de abril de 2021

    Olá,
    Estou tendendo a gostar menos dos textos mais sucintos, mas o seu foi um ponto fora da curva. Em poucas palavras, você conseguiu causar, através de suas reflexões e críticas, um impacto certeiro no leitor. Meu preferido é o A1, onde através do absurdo e do surreal se fez uma crítica bem inteligente.
    Boa sorte

    • Extrait de parfum
      8 de abril de 2021

      Que bom que sai da curva e te agradei com meu impacto certeiro, mon chéri. Au revoir.

  21. Catarina Cunha
    7 de abril de 2021

    Micro: Todos muito bons. Acho que o charme do micro está no peso das palavras e não em sua quantidade. Aqui você botou uma tonelada no ar.

    Conto: Conseguiu com que o leitor continuasse pensando do desenrolar dos acontecimentos. Troço danado de difícil. Parabéns!

    Destaque: Sacanagem, mas foi a melhor forma de descrever um suicida incompente. Rsrsrsrs….

    “[D2]
    Foi até a ponte assim que amanheceu. Esperaria ali até as 14h, o horário que acreditava ser o certo para pular. Felizmente, o horário certo para desistir era antes do almoço.”

    • Extrait de parfum
      7 de abril de 2021

      Oh, mon chéri, que maravilha. Acabou de me colocar no ar tb. Uma borrifada perfumada. Merci.

  22. Elisabeth Lorena Alves
    7 de abril de 2021

    Olá, Extrait de parfum.

    Vamos aos seus textos. [A1] é conto.

    [A3] não consegui apreender o sentido. Até para um conto é inadmissível a convivência por uma conveniência tão adoecida. Não está dando certo, joga fora o homem e o travesseiro e sabendo fazer dava um grande conto.

    [B3] é conto. Tomara que [C1] tenha algum admirador, para mim não funcionou,embora tenha entendido. E [C3] é legal e só. [E1] não é exatamente um conto. E[E2] é um conto aguado.

    Já [B4] e [D2] são contos. Embora [B4] tenha um desfecho óbvio no sentido das relações sociais, funciona bem porque o musicista tinha carência de ser ouvido e a falta de empatia faz sentido. Bom. Assim como também é bom [D1] . E que o leitor tenha quebrado a janela com o livro e mandado a conta para o autor.

    [D2] Foi bem executado. Parabéns.

    Boa sorte no Desafio.

    • Extrait de parfum
      7 de abril de 2021

      Tanta tristeza que nem sei o que dizer. Só digo que no A3, houve a perda da pessoa amada e ela não tinha coragem de guardar o travesseiro. O que ela via ao lado dela era o travesseiro…. Merci.

  23. Luciana Merley
    7 de abril de 2021

    Olá, caro autor.

    Para minha avaliação, utilizarei dois critérios principais: se o microtexto é uma HISTÓRIA e o IMPACTO que ela provocou.

    A melhor coleção de textos que encontrei até aqui. Você sabe encontrar o ponto certo do micro. Sabe dar ao leitor a sensação do corte seco, de pancada literária (com sutileza e elegância). Sem excessos, com palavras no devido lugar para gerar o máximo efeito.

    [A1] Sem palavras. Muito bom. Efeito seco e eficiente.

    [A3] Um efeito triste, amargo no final. Acho que foi a intenção. Bom conto.

    [B3] Ótima reinvenção de uma frase já conhecida. Gostei.

    [B4] Duas pancadas em forma de micro. A crítica social pela não representatividade e a crítica cultural, pela ignorância e insensibilidade ao belo, talvez.

    [C1] Lindo, poético, inteligente e sutil.

    [C3] (kkkkkk) “Zé” é coisa dos meus causos. Ótima sacada humorística.

    [D1] Outro de efeito seco e perfeito.

    [D2] Final feliz. Muito bom.

    [E1] Esse conto quase que me entrega a autoria. Muito bom.

    [E2] Vinho aguado é mesmo muito ruim. Final precioso para a sua bela coleção.

    Parabéns, parabéns.

    • Extrait de parfum
      7 de abril de 2021

      Pulando, saltando, dançando de alegria. Como é bom te ver aqui, mon amour. Mil vezes Merci.

  24. Luis Fernando Amancio
    6 de abril de 2021

    Bonjour, Extrait de Parfum. Bem interessante sua coleção de microcontos! Você tem familiariade com o gênero, é objetiva e concisa em seus textos curtos, menores do que a média.
    É curioso que mesmo com limites de caracteres encontramos uma variação de estilos. Há quem prefira se alongar ao máximo, estruturar ao máximo a narrativa. Por outro lado, há autores como você, que preferem ser diretos, microcontos frasais com alguns jogos de palavras e impacto. Independente do caminho, fico feliz quando encontro coerência, um autor que demonstra habilidade e convicção em relação ao seu estilo.
    Parabéns! Seus microcontos são bons e eu destaco o A3, o C1 e o C3.
    Boa sorte no desafio!

    • Extrait de parfum
      6 de abril de 2021

      Ulalá, que beleza ler este comentário! Merci, merci, merci.

  25. Elisa Ribeiro
    3 de abril de 2021

    Minha impressão geral foi a de um autor treinado na lida dos microntos, que nos entregou alguns ótimos micro outros nem tanto. Entre os nem tanto, B3 e B4 me soaram pouco inspirados, o primeiro chegando a cair no lugar comum. Em C1, me escapou o nexo entre algo não ser precioso por ser picado em pedacinhos. Em C3, um mero jogo de palavras, há quem goste, não é meu caso, salvo exceções. Os melhores momentos para mim foram A1 e D1, tão bons que fizeram valer muito a leitura do seu conjunto. Parabéns e sorte. Um abraço.

    • Extrait de parfum
      3 de abril de 2021

      Bonjour, mon amour, ótimo que nem tudo foi perdido. No C1, como a frase diz que o precioso não pode durar muito, dividiu a saudade em pedaços, pequenas durações, que se tornariam todas preciosidades… faria um belo e gigantesco colar de pérolas com ela, mon chéri. Merci. Au revoir.

  26. cgls9
    2 de abril de 2021

    Sem muita firula, vamos aos destaques: A3 é f*da! C1, maravilhoso! D1 é genial! D2 muito criativo e traz uma nota anedotica. E1 muito Bom! Os restantes também não são ruins! To sentindo um cheirinho de campeão. Rs boa sorte

    • Extrait de parfum
      3 de abril de 2021

      Que maravilha de comentário, mon amour. Merci merci merci

  27. j2bohn
    2 de abril de 2021

    MICROCONTOS 2021 – EXTRAIT DE PARFUM

    Os microcontos da coleção foram todos formulados de forma estilisticamente semelhante, concisa, precisa e factual.

    Em alguns casos, isto resultou no que eu considero frases sem muito efeito e sentido. Já outros amei, e os destaques para mim são os microcontos B4, D2 e E1, que foram eficientes e chamaram a minha atenção para além da mera leitura.

    D2 se destaca pelo tratamento lúdico de um assunto sério e trágico.

    E1 é uma grande resposta ao estímulo, com uma pergunta filosófica que também incita o leitor a perguntar de si mesmo em seguida.

    Parabéns pelo lindo trabalho e boa sorte no desafio!

    • Extrait de parfum
      3 de abril de 2021

      Bonjour, feliz por ter gostado de alguns deles. Merci

  28. Fheluany Nogueira
    2 de abril de 2021

    Uma concentração de essência, do jeitinho que gosto: textos sintéticos, despachados e eficientes, quebram a expectativa, com um pouco de ironia e um pouco de reflexão; além do jogo inteligente de palavras e de significados.

    “Escreveu um livro com o final fechado, então o leitor quebrou a janela.” — é a água perfumada da coleção.

    Parabéns e sucesso no desafio! Está na minha lista. Abraço.

    • Extrait de parfum
      2 de abril de 2021

      Oh, mon chéri, só posso dizer merci e desejar que muitas águas perfumadas perfumem a sua vida.

  29. Evelyn Postali
    1 de abril de 2021

    Caro(a) autor(a),
    Microcontos micros são os melhores no meu entendimento. Muito bem escritos, sucintos, diretos e reflexivos. Gostei de quase todos e destaco A1, A3, E1.
    Boa sorte no desafio.

    • Extrait de parfum
      2 de abril de 2021

      Agradeço o comentário elogioso, mon amour, mas criei todos para serem amados igualmente, igual filho rsrs. Merci.

  30. Marlo Romulo Werka
    1 de abril de 2021

    Extrait de parfurm, B4,D2 e E1, nem sei qual é o melhor…
    Ocorreu-me a estranha sensação de iniciar a leitura achando que não gostava…e findá-la com um sorriso estampado no rosto, de satisfação.
    Parece que você tem experiência no formato. Diz muito, usando poucas palavras.
    Parabéns e boa sorte.

    • Extrait de parfum
      1 de abril de 2021

      Ulalá, que maravilha este seu sorriso. Merci, Mariô,

  31. Bruno Raposa
    1 de abril de 2021

    [A1] Gosto do humor, do micro ágil e preciso, mas não chega a desenvolver uma pequena narrativa.

    [A3] Interessante subversão de expectativas, uso diferente da palavra de estímulo. Gostei bastante.

    [B3] Interessante, não narra tanto, mas deixa bastante coisa em segundo plano, subentendido. Talvez se citasse a idade do casal – se é que você continuou com os velhinhos da imagem em mente -, daria ainda mais força pro texto. Mas é um bom microconto.

    [B4] Esse achei excelente. Falar que o sujeito “não tinha voz” foi uma grande sacada e a contraposição de frases foi muito boa. Muito bom uso da imagem inspiradora também.

    [C1] Bonito, poético, mas é outro que não chega a construir uma narrativa,

    [C3] Inteligente jogo de palavras. Divertido.

    [D1] Mais uma tirada muito inteligente.

    [D2] Puxa pra uma comicidade mesmo tratando de um tema tão terrível. Divertido e volta a construir uma narrativa, o que tinha sido abandonado pelos anteriores.

    [E1] Mais um micro esperto e esse tem uma história que, mesmo não contada, é sugerida. Mais um ponto alto.

    [E2] Outro com um humor afiado. Gostei.

    Gosto bastante dessa opção de reduzir ao máximo os micros. Você tem ótimas tiradas, uma escrita inteligente, bons jogos de palavras. Os micros são precisos, certeiros. Crescem ainda mais quando jogam com o humor.

    O único pecadilho, dentro da minha concepção do que é um microconto, é que alguns não chegam a apresentar uma breve narrativa. Mas não houve nenhum que eu não gostasse. Entra no meu top 15, certamente.

    Desejo sorte no certame.

    Abraço.

    • Extrait de parfum
      1 de abril de 2021

      Magnifique que no geral foi um parecer bem elogioso. Com todo respeito, chef, o primeiro tem ação, consequência, personagens e lugar, um enredo que pode inclusive ser compreendido de maneira alegre e triste… se isso non é narrativa, chef, non sei o que é. Mas nos demais eu voltei a te amar, mon amour. Merci.

      • Luciana Merley
        7 de abril de 2021

        kkkkkk concordo. Esse chef deve ter levado uma metralhada na cabeça do pombo da outra praça (do outro micro).

  32. antoniosbatista
    31 de março de 2021

    A 1- Uma história engraçada.
    A 3- Uma história de insônia
    B 3- Uma história do cotidiano igual a tantas outras.
    B 4- Num mundo de surdos, quem ouve é rei.
    C 1- A saudade foi picada em pedacinhos. Mas sempre fica algo.
    C 3- O Zé tem razão, é a lógica.
    D 1- Esse tem um certo encanto, mas parece que faltou alguma coisa.
    D 2- Felizmente para ele o relógio estava certo. Corresponde à imagem.
    C 1- Um micro conto interessante.
    E 2- Esse também eu gostei.

    No geral achei médio, uns bons e outros quase bons. Achei que alguns estímulos são realmente difíceis para escrever uma história interessante com poucas palavras. As imagens não contam nenhuma história visual, mas tem um universo de elementos, e transformar isso numa história coerente com palavras reduzidas, é difícil, mas não impossível.
    Acho que você foi bem. Boa sorte.

    • Extrait de parfum
      1 de abril de 2021

      Merci, Antoniô. Feliz que tenha ido bem.

  33. Sandra Daher
    31 de março de 2021

    Oi, Extrait de Parfum, são assim seus contos, bem extraídos da grande massa inespecífica. Cerebrais, bem construídos. Mas não me arrebatam fortemente a emoção. A não ser por apreciar muito a escrita inteligente, como a sua. Faltaram- me um pouco de cor em algum lugar. Mas gostei, sobretudo de E1, C3, C1,B3. Parabéns, muito sucesso!

    • Extrait de parfum
      31 de março de 2021

      Sandrá, cor não posso te dar, mas envio um cheirinho gostoso, sim. Merci.

  34. Regina Ruth Rincon Caires
    31 de março de 2021

    Microcontos 2021 – Extrait de parfum

    [A1] – Palavras: PRAÇA

    Que maravilha! Que figura mais linda! “Felomenal”!

    [A3] – Palavras: OCIOSO

    Bela descrição para definir ausência. Muito bom.

    [B3] – Fotografias: casal idoso

    Que concisão inteligente! Formidável.

    [B4] – Fotografias: CLARINETISTA

    O mundo louco, de surdos que ouvem. Excelente.

    [C1] – Frases: “Há coisas que são preciosas por não durarem.”

    Saudade dura pra sempre, né? E é preciosa em razão de mostrar as coisas boas que vivemos. Vamos picar em pedacinhos, eu te ajudo… Lindo texto.

    [C3] – Frases: “A cegueira também é isto, viver num mundo onde se tenha acabado a esperança.”

    Caraca! Exatamente isso! Se não há esperança, nada é esperado. Virá o fortuito. Excelente.

    [D1] – Ilustração: livro aberto
    É a imaginação não respeita cadeados. Voa. Que lindeza!

    [D2] – Ilustração: relógio, abismo, ponte

    A fome muda propósitos. “Felomenal”!

    [E1] – Músicas: A Lista (Oswaldo Montenegro)

    Bonito texto. Mas, pode ter certeza, amigo é amigo por todo o sempre. É mágico. Quando encontramos velhos amigos, aqueles que pareciam distanciados, bastam cinco minutos de conversa (ou menos que isso) e tudo volta a ser como antes, a lacuna de tempo despenca. O mesmo pode acontecer com os amores! Fico encantada com isso. Parabéns pelo texto!

    [E2] – Músicas: Formato Mínimo (Skank)

    Perfeito! A saída seria não fazer “mistura”, não é? Daria pra fazer o ajuste, uai! Água continuaria água, vinho continuaria vinho. Parabéns pelo texto!

    Extrait de parfum, estou inebriada com a sua escrita. Muito boa. A estrutura de cada texto foi milimetricamente cuidada. Não tem falta de nada. Coisa de gente grande.
    Parabéns pelo lindo trabalho!

    Boa sorte no desafio!

    Abraços…

    • Extrait de parfum
      31 de março de 2021

      Magnifique este seu comentário. Nem sei como agradecer. Muitos abraços perfumados. Muito generosas as suas palavras. Merci, merci, merci.

  35. Kelly Hatanaka
    30 de março de 2021

    Oi Extrait de Parfum!

    Puxa, seus contos são super micros no tamanho e super macros nos significados. Gostei muito da forma como você sintetizou grandes sentimentos e inquietações com tão poucas palavras, como em A3, B4 e C3. Excelente!!!

    O meu preferido foi o E1. Achei lindo!

    Parabéns e boa sorte.

    • Extrait de parfum
      30 de março de 2021

      O que posso dizer, mon chéri Kelly? Muitas borrifadas de perfume francês pra você.

  36. Nilo Paraná
    30 de março de 2021

    gostei muito de seus micro micro contos. exigem sempre saídas especiais, e você teve sacadas fantásticas como do passarinho em A1, ou da resposta em C3. parabéns, boa sorte.

    • Extrait de parfum
      30 de março de 2021

      Nilô, mon amour, merci.

  37. thiagocastrosouza
    29 de março de 2021

    Amigo ou amiga cheirosa, gostei das suas borrifadas textuais. O fato de serem curtíssimos traz maior impacto e deixam a leitura mais marcante, ainda que sejam 10 contos. Te achei preciso em quase tudo, com exceção de B3 e B4, pois trazem uma frase explicativa, direta, sobre a intenção do conto: falar que as pessoas são surdas por não se atentarem ao músico ou dizer que o casal de idosos era feliz apesar da pouca bagagem. Como tem tons parecidos, lidos seguidamente evidenciam esses pontos.

    Os demais estão bem bacanas: bons finais, boas construções de enredo e sensações despertadas nesse leitor.

    Destaque:

    “Escreveu um livro com o final fechado, então o leitor quebrou a janela.”

    Amei A3, muito bom mesmo, mas D1 brinca com a metalinguagem, assim como nosso dilema enquanto escritores. No final, dono mesmo da história é quem lê!

    Parabéns e boa sorte!

    • extrait de parfum
      29 de março de 2021

      Bonjour, Thiagô, agradeço o comentário. Magnifique ler a sua percepção e aceitação. Não querendo me justificar, mas já o fazendo, no B3 em nenhum momento falei de felicidade, e não expliquei a pouca mochila, referi-me à muita bagagem, como conhecimento, experiência… O “surdos” seria com relação ao mundo, assim como “a voz” não seria a sua fala… Mas fico feliz com seu comentário. Au revoir e uma borrifada cheirosa para você.

  38. mariasantino1
    28 de março de 2021

    Olá, Extrait de parfum!

    Então, tenho muita dificuldade em comentar esses textículos. A vontade é fazer uma listinha e dizer:
    1 gostei
    2 esse é bom
    3 esse babou
    … mas assim como odiei receber comentários dessa forma, não tenho coragem de fazê-lo. Em todo caso vejo aqui algo semelhante ao Riv Otril, onde os contos curtos foram apreciados, mas eu não soube comentá-los. Bem… sem mais enrolação, vamos ao que mais curti: [A3] que é triste e remete à perda de alguém que se ama, [A1] Com crítica social pontual, [E1] onde os questionamentos dão significância e profundidade ao texto pequenino e [C1] que é bonito e rápido, mas cumpre a ideia de que a pessoa perdeu vários entes, ou coisas de muita importância para si.

    Os demais já não são tão apreciados, no [B3] o impacto é mínimo e, sem querer ser rude, depois de lido eu nem lembrei que havia lido algo. No [C3] novamente não há força nessa reflexão da forma que está. E sinto que aqui pede uma vírgula para compreender melhor o questionamento: – Zé, o que você acha que vem depois que morre (,) a esperança?” Já no [D2] a fome que impediu o suicídio é uma boa sacada, mas não sei se é a escolha das palavras que deixam o texto anêmico, ou mesmo se ele carece de mais caracteres e construções frasais de maior impacto. O último de vinho de água não sei bem e fico devendo uma avaliação para esse texto.

    No mais, parabéns e boa sorte!

    • extrair de parfum
      29 de março de 2021

      Bonjour, Mariá, triste aqui com sua expressão textículos, que você nem tem como comentar…micro anêmico por falta de caracteres… quero deixar claro que não os fiz pequenos por falta de interesse, pressa ou desleixo, realmente aprecio micros que dizem muito com poucas palavras. Só sinto necessidade de esclarecer o C3, onde a vígula está correta. A ideia é colocar na resposta do outro a visão de esperança no sentido de “o que se espera”, aí ele responde, o inesperado. A vírgula não deve vir ali, pois perderia o sentido. Agardeço seus apontamentos. Au revoir.

      • mariasantino1
        29 de março de 2021

        Vc tem razão. Li errado. Ela estava falando quando morre a esperança e não questionando. De fato a falha é toda minha. Quanto aos textículos, foi só um trocadilho infame.
        Entendo e respeito sua escolha quanto ao tamanho dos contos. Minha avaliação é extremamente pessoal, não tenho tato para muitas coisas e microcontos se encaixa em uma delas (apesar de apreciá-los)
        😉

  39. Claudia Roberta Angst
    28 de março de 2021

    Contos micro curtos, sucintos, que vão direto ao ponto – de impacto. Acredito que o[a] autor[a] seja alguém já familiarizado com textos breves. Nada extrapola o limite de caracteres, nada excede ao básico e necessário, e mesmo assim, o sentido transborda. Uma habilidade invejável.
    Meus contos favoritos são: [B3] e [D1].
    Parabéns pela participação e boa sorte.

    • extrait de parfum
      29 de março de 2021

      Claudia, mon chéri, que beleza de comentário. Muito feliz pelos elogios. Gostei de saber dos seus preferidos. Au revoir

E Então? O que achou?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

Informação

Publicado às 28 de março de 2021 por em Microcontos 2021 e marcado .