EntreContos

Detox Literário.

Qualquer dia – Poesia (Gardel Dias)

images (1)

Saio andando um dia por semana, salvai-me por um dia, o pesar meu
A foto semanalmente diária por vir, bem mais – invento, recrio, destruo
Apenas um dia durante toda a semana de minha vida
“E lá se vai mais um dia”, o dia da semana…

2 comentários em “Qualquer dia – Poesia (Gardel Dias)

  1. Anorkinda Neide
    27 de agosto de 2016

    Gostei do ritmo, da ideia, até das palavras escolhidas
    mas se escrito em forma de estrofes poética,s acho q ficaria mais acessível à leitura.
    o verbo ‘salvai-me’, está no passado e todo o resto no presente, nao seria melhor ‘salva-me’?
    .

    Abraço, poeta

    • Gardel
      1 de setembro de 2016

      Obrigado pela dica, é sempre bom. Sobre o verbo, pra você é melhor. E para mim? (risos) (a briga pela disposição do tempo ou extemporâneo, eis aqui a graça do verso, talvez)
      Bem, independente de qualquer coisa, lê-se por querer ou não, acredito, mas é sempre bom considerar opiniões ainda mais de uma pessoa sensível, acho que seja.
      Abraços!

Deixe uma resposta para Anorkinda Neide Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

Informação

Publicado às 26 de agosto de 2016 por em Poesias e marcado .
%d blogueiros gostam disto: