EntreContos

Detox Literário.

O Parque Abandonado – Entrecontinhos (Sofia Cassoli)

No dia 13 de julho de 1997, três amigos chamados Davi (13), Marta (12) e Samuel (11), estavam fazendo um piquenique, no parque Noto, isso foi o que eles falaram para seu pais. Na realidade, eles queriam ir para o parque de diversões abandonado que ficava lá.

Em vez de comida na cesta, Marta havia trazido lanterna, água, martelos de seu pai e roupas quentes. Como os seus pais dormiam muito cedo, eles aproveitaram isso para ficar mais tempo no parque. Quando eles chegaram ao final do caminho, Davi implorou por água e Marta, por sorte, trouxe. Então, ela lhe deu água. Davi, como era o mais velho, ia na frente.

Quando chegaram ao parque, Samuel confessou que estava com medo. Marta e Davi também confessaram que estavam com medo. Quando entraram no parque, viram que tudo estava podre, quebrado, pichado, desativado e entre outros. Tava na cara que o parque estava abandonado há mais de 30 anos!

Eles também escutaram que havia barulhos estranhos no parque. Samuel ficou tão entusiasmado com a montanha russa que esqueceu que estava indo para um brinquedo totalmente podre! Alguns segundos depois, eles escutaram um grito de horror! Marta deu uma lanterna para Davi e acenderam as lanternas.

Quando eles apontaram para o carrinho, Samuel não estava mais lá. Davi disse para Marta que talvez ele tenha sido morto por alguma coisa que morava no parque. Marta pensou na cena horripilante antes que acendessem as lanternas. Ela pegou os martelos para ela e Davi se protegerem.

Quando estavam caminhando, Marta e Davi sentiram um vulto atrás deles. Davi pensou que o suposto vulto foi quem tinha matado Samuel. Ele falou para Marta que ia procurar o vulto no carrossel. Ela tentou impedir Davi, lhe alertando o alto perigo de ser morto. Mas Davi era muito teimoso e não ligou para os avisos de Marta. Ele foi e depois de 1 minuto, ela ouviu um grito horripilante.

Marta acendeu a sua lanterna e apontou para o carrossel e Davi não estava lá. Ela começou a ficar mais assustada do que antes e começou a tremer de tanto medo! Depois de alguns segundos, ela sentiu uma baba em seu ombro e olhou para trás e viu que era um alienígena!

Ela começou a correr na direção da roda gigante, e por incrível que pareça, ela CONSEGUIU escalar a roda gigante! Ela se sentou no assento mais alto e de repente viu que o suposto alienígena escalou a roda gigante! Ela fechou os olhos para não ver a própria morte. Ela abriu os olhos e viu que estava em sua cama, de pijama e sem algum arranhão.

Olhou pela sua janela e viu que seus amigos também estavam em suas casas, intactos e roncando. Marta voltou para sua cama e capotou de tanto sono que estava.  Marta acordou em um sonho e viu uma pessoa com uma armadura e um cantil. Primeiro Marta perguntou qual era o seu nome. Ele respondeu que seu nome era Marcelo e era um cavaleiro.

Ela perguntou por que ele estava no sonho dela. Marcelo falou que estava ali para esclarecer as coisas e falou que a “baba” era água de seu cantil que estava vazando e o”alienígena” era que ela tinha se confundido a armadura com o “alien”. como ele protegia as crianças de irem para o parque, ele deu um pozinho que fazia elas adormecerem.

Marcelo usou o pó nela e em seus amigos antes que fosse tarde de mais. Ele os levou para suas casas e foi o fim da conversa. Ela tentou perguntar mais coisas como:”Como assim tarde de mais?” O sonho acabou e ela só acordou ás 10 da manhã e viu que seus amigos já tinham levantado. Marta os lhe chamou para ver o parque e conhecer Marcelo.

No meio do caminho, Samuel e Davi falaram que também tinham conhecido ele nos seus sonhos. Quando eles chegaram no local, viram que o parque não estava lá.

Foi tudo um sonho ou foi real? Essa era a pergunta que os atormentaria durante toda a vida.

2 comentários em “O Parque Abandonado – Entrecontinhos (Sofia Cassoli)

  1. Jussara Castro Araujo
    12 de outubro de 2019

    Muito bom querida Sofia! Amarraste com criatividade esta trama do começo ao fim, repleto de suspense. Por sorte com final feliz pois ao abrir os olhos percebeu que tudo não passou de um sonho. Eu diria que estava mais pra pesadelo… parabéns pra minha netinha linda que aos 10 anos sabe escrever como gente grande. Um abraço cheio de carinho, bjo

  2. rbrt65
    12 de outubro de 2019

    Olá, Sofia. Gostei de seu texto. Se me permite, sugiro trabalhar mais sobre ele. Alguns pontos repetidos e confusos.

E Então? O que achou?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

Informação

Publicado às 12 de outubro de 2019 por em Entre Continhos e marcado .